Mecanismos envolvidos na restrição do crescimento intrauterino induzida pelo nado durante a gravidez

Mecanismos envolvidos na restrição do crescimento intrauterino induzida pelo nado durante a gravidez

Author Arakaki, Aline Midori Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Araujo, Ronaldo de Carvalho Araujo Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Medicina (Nefrologia)
Abstract Studies have shown that intrauterine growth restriction (IUGR), ie, low birth weight is one of the leading causes of perinatal death and neonatal morbidity. A previous study of our group showed that our swimming protocol during pregnancy caused IUGR and low birth weight. As IUGR is a consequence of possible fetal, placental and maternal changes, this project sought to evaluate the mechanisms responsible for intrauterine growth restriction caused by our protocol for swimming during pregnancy in mice. For this, we used female C56BL / 6 females of 2-3 months (INFAR). The training consisted of 1 hour of swimming daily, 5 times a week, during all gestation. Before the birth of the offspring the blood of the pregnant females was collected as well as the placenta of three fetuses of each female. Subsequently, we evaluated whether our swimming protocol during pregnancy altered some plasma cytokines such as IL-6, leptin, insulin, C-PEP and the hormone corticosterone, as well as expression of placental genes were analyzed, such as B1R, PIGF, Leptin, IL-6 and 11?HSD2. In addition, a morphophysiological analysis of the placenta was performed by counting CG on the junctional zone of the placenta. Results of this project showed that in the plasma of the exercised group, the concentration of IL-6 and corticosterone was higher. In addition, their placentas had lower gene expression of all analyzed genes and less amount of GC than in sedentary animals. As expected, the cytokine IL-6 was increased in the exercised group, since the exercise promotes the release of this cytokine by the muscles. Increased corticosterone means that exercise was stressful for the animals, which contributes to fetal IUGR. In addition, the reduction in the expression of the 11?HSD2 enzyme in the placenta of the exercised group means that the fetus is exposed to higher concentrations of maternal glucocorticoids, which also contributed to low birth weight (LBW). We have seen that in the placental junction of the same placenta there is a significant reduction of GC, which also contributes to LBW. We believe that our swimming protocol during pregnancy causes several changes in maternal plasma, the expression of placental genes and their morphophysiology, and these changes may explain why offspring exercised during pregnancy are born smaller

Estudos têm mostrado que a restrição do crescimento intra-uterino (IUGR), ou seja, o baixo peso ao nascer é uma das principais causas de morte perinatal e morbidade neonatal. Um estudo prévio do nosso grupo mostro que nosso protocolo de nado durante a gravidez causou IUGR e baixo peso ao nascer. Como a IUGR é uma consequência de possíveis alterações fetais, placentárias e maternas, este projeto buscou avaliar os mecanismos responsáveis pela restrição do crescimento intra-uterino provocado pelo nosso protocolo de nado durante a prenhes em camundongos. Para isso, utilizamos animais C56BL/6 fêmeas de 2-3 meses (INFAR). O treino consistiu de 1 hora diária de natação, 5 vezes por semana, durante toda gestação. Antes do nascimento das proles o sangue das fêmeas prenhas foi coletado bem como a placenta de três fetos de cada fêmea. Posteriormente, nós avaliamos se o nosso protocolo de nado durante a gravidez alterarou algumas citocinas plasmáticas, como IL-6, leptina, insulina, C-PEP e o hormônio corticosterona, assim como a expressão de genes placentários foram analisados, como B1R, PIGF, leptina, IL-6 e 11?HSD2. Além disso, foi feito uma análise morfofisiológica da placenta através da contagem de CG na zona juncional da placenta. Resultados deste projeto mostraram que no plasma do grupo exercitado, a concentração de IL-6 e corticosterona era maior. Além disso, suas placentas apresentaram menor expressão gênica de todos os genes analisados e menor quantidade de GC do que nos animais sedentários. Assim como esperado, a citocina IL-6 estava aumentada no grupo exercitado, pois o exercício promove liberação dessa citocina pelos músculos. O aumento da corticosterona significa que o exercício foi estressante para os animais, o que contribui para a IUGR fetal. Além disso, a redução na expressão da enzima 11?HSD2 na placenta do grupo exercitado significa que o feto é exposto a maiores concentrações de glicocorticoides maternos, o que também contribuiu com o baixo peso ao nascer (LBW). Nós vimos que na zona juncional da placenta desse mesmo grupo há redução significativa de GC, o que também contribui com o LBW. Acreditamos que o nosso protocolo de nado durante a gravidez causa várias alterações no plasma materno, na expressão de genes da placenta e em sua morfofisiologia e essas alterações podem explicar porque proles do grupo exercitado durante a gravidez nascem menores.
Keywords physical exercise
swimming
pregnancy
placenta
glycogenic cells
exercício físico
nado
gravidez
placenta
células glicogênicas
Language Portuguese
Date 2016-06-30
Published in ARAKAKI, Aline Midori. Mecanismos envolvidos na restrição do crescimento intrauterino induzida pelo nado durante a gravidez. 2016. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2016.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=4695942
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47564

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account