Circunstâncias sócio-históricas de criação da sociedade brasileira de gerenciamento em enfermagem: 1996 a 2003

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2016-12-21
Autores
Vieira, Ricardo Quintao [UNIFESP]
Orientadores
Sanna, Maria Cristina Sanna [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Introduction: Since the first Brazilian association for the nurses, founded in 1926, several social movements of Brazilian Nursing were created to defend the educational interests of labor educational profession. The Brazilian Society of Nursing Management (SOBRAGEN), which was founded in 1996, has a great importance in the field of Nursing. Objective: Describe the story of how the SOBRAGEN was created. Method: Historical social research, oral history mode, whose time frame, understood the interval between 1996, creation date of SOBRAGEN, until the end of the mandate of the second director in 2003. The interviews were recorded, transcribed and converted into testimonies, with validation of the first procedures by respondents and the last by external evaluator. The interviews were coded and grouped by similarity and thematic relevance, categories were created, allowing the historical narration. Results: It was narrated the motivation and the process of creation, the desires and the values of its creators, the development of society, the performance of social actors involved, tangible achievements and the interfaces with other nursing societies. Conclusion: From the simple act of defense against the market requirements, the initiative of creation of SOBRAGEN affect many nurses involved with leadership and nursing management, advancing and give profundity to the knowledge and establishing a new identity for the nurse who was devoted primarily to the management process in nursing.
Introdução: Desde a primeira associação, fundada em 1926, diversos movimentos sociais da Enfermagem brasileira foram criados para defender os interesses educacionais, trabalhistas e legais desse conjunto de profissões. A Sociedade Brasileira de Gerenciamento de Enfermagem (SOBRAGEN) foi um deles e sua atuação, desde 1996, se revestiu de grande importância. Objetivo: Descrever a história da criação da SOBRAGEN. Método: Pesquisa histórico-social, na modalidade história oral, cujo recorte temporal compreendeu o intervalo entre 1996, data da criação da SOBRAGEN; até o fim do mandato das primeiras diretorias, em 2003. As entrevistas foram gravadas, transcritas, transcriadas e transformadas em depoimentos, com sujeição dos primeiros procedimentos aos entrevistados e dos últimos a avaliador externo, para validação desse processo. As transcrições foram codificadas e esses códigos foram agrupados por similaridade e pertinência temática, para a criação de categorias, o que possibilitou a narração histórica. Resultados: Foram narradas a motivação e o processo de criação, os desejos e os valores de seus criadores, o desenvolvimento da sociedade, o desempenho dos atores sociais que se envolveram com a sociedade, as realizações tangíveis e as interfaces com outras sociedades de enfermagem. Conclusão: O simples ato de se agregar para a defesa frente às exigências mercadológicas resultou na criação da SOBRAGEN, o que acabou por afetar muitos enfermeiros envolvidos com a liderança e o gerenciamento de enfermagem, avançando no aprofundamento de seus conhecimentos e estabelecendo uma nova identidade para o enfermeiro que se dedicava primordialmente ao processo administrar em enfermagem.
Descrição
Citação
VIEIRA, Ricardo Quintao. Circunstâncias sócio-históricas de criação da sociedade brasileira de gerenciamento em enfermagem: 1996 a 2003. 2016. 161 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2016.