A cidade de Santos no roteiro de expansão da homeopatia nos serviços públicos de saúde no Brasil

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2007-12-01
Autores
Justo, Celia Maria Patriani [UNIFESP]
Gomes, Mara Helena de Andrea [UNIFESP]
Orientadores
Tipo
Artigo
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
In consonance with the principles of comprehensiveness, equity, and universality that underlie Brazil's sanitary reform and creation of its Unified Health System, some municipalities have begun offering homeopathy as a treatment option. The article explores the context in which homeopathic treatment was introduced and gained ground in the city of Santos, São Paulo, down through its incorporation as an alternative in the public healthcare network. Homeopathy was introduced in Santos not only by doctors and pharmacists but also by prescribing mediums from spiritist centers. The request that the municipality's primary-care services offer this alternative was possible thanks to the presence of all these players. The present analysis was based on interviews with the professionals who took part in the process, on technical reports, newspaper articles, and scientific journals, and on a book about the city's first spiritist society.
Em coerência com os princípios de integralidade, eqüidade e universalidade presentes na reforma sanitária e na criação do Sistema Único de Saúde (SUS), alguns municípios passaram a oferecer a homeopatia como opção terapêutica. Este artigo aborda o contexto de implantação e consolidação da homeopatia na cidade de Santos (SP), até a sua incorporação como alternativa de atenção médica na rede pública de serviços de saúde. Naquela cidade, a implantação muito se deveu não só a médicos e farmacêuticos, mas também a médiuns receitantes que atuavam nos centros espíritas. Todos esses personagens tornaram possível a reivindicação de oferta dessa modalidade de atendimento pelos serviços de atenção primária do município. Nossa análise baseou-se em entrevistas com profissionais que participaram desse processo, em relatórios técnicos, artigos de jornais, revistas científicas e em livro escrito sobre a primeira sociedade espírita da cidade.
Descrição
Citação
História, Ciências, Saúde-Manguinhos. Casa de Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz, v. 14, n. 4, p. 1159-1171, 2007.
Coleções