Epidemiologia e quadro clínico dos acidentes por serpentes Bothrops jararaca adultas e filhotes

Nenhuma Miniatura disponível
Data
1990-12-01
Autores
Ribeiro, Lindioneza Adriano
Jorge, Miguel Tanús [UNIFESP]
Ribeiro, Lindioneza Adriano
Jorge, Miguel Tanús [UNIFESP]
Orientadores
Tipo
Artigo
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Four hundred and fifteen cases of bites by adult Bothrops jararaca (group A) were admitted to the Hospital Vital Brasil between 1981 and 1987. These cases were compared to 562 cases of bites by young snakes of the same species (group B) during the same period and at the same hospital. In group B blood incoagulability was more frequent when compared to group A. However in group A bites in the leg, use of tourniquet, tecidual damage (blister, necroses and abscess), were more frequent when compared to group B. The doses of sero given for the group A was greater when compared to group B. Accidents month distribution, dates available were for the patients admitted between 1975 and 1988. The accidents were more frequent in the first and at the end of the year. In the first months of the year for the young snakes and mainly at the end of the year for the adult snakes.
Quatrocentos e quinze casos de acidentes por Bothrops jararaca adulta (grupo A) atendidos no Hospital Vital Brazil - Instituto Butantan, no período de 1981 a 1987 foram comparados com 562 casos de acidentes pela mesma serpente porém filhote, atendidos no mesmo local e período (grupo B). Os pacientes do grupo A apresentaram maior freqüência de picada na perna, de uso de torniquete, de destruição tecidual na região da picada (bolha, necrose e abscesso) e, em média, receberam maior dose de soro e permaneceram internados por período mais longo. Quanto à sazonalidade, foram avaliados os acidentes por Bothrops jararaca atendidos no período de 1975 a 1988. Houve maior ocorrência no início e no final do ano, principalmente no início para picadas por serpentes adultas e no final para picadas por filhotes.
Descrição
Citação
Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo. Instituto de Medicina Tropical, v. 32, n. 6, p. 436-442, 1990.
Coleções