Expressão imuno-histoquímica da Sirt1 em neoplasias epiteliais da conjuntiva

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2011
Autores
Alves, Luiz Filipe de Albuquerque [UNIFESP]
Orientadores
Burnier Júnior, Miguel Noel Nascente [UNIFESP]
Tipo
Tese de doutorado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Objetivos: Examinar a expressao imuno-histoquimica da Sirt1(osilent information regulator 2o) em epitelio normal (EN), comparando-se com o grupo de Neoplasias Escamosas da Superficie Ocular (NESO). Neste estudo, tambem, avaliou-se aspectos epidemiologicos nas lesoes da conjuntiva enviadas a um centro de referencia no Canada. Metodos: A expressao imuno-histoquimica da Sirt1 foi analisada em 47 casos de lesoes epiteliais da conjuntiva e 10 EN. A extensao da reacao(%) e a intensidade foram classificadas, e entao, convertidas a uma escala de padronizacao imuno-histoquimica, oGerman Immuno Reactive Scoreo(IRS). Dados epidemiologicos foram obtidos em 12.102 casos, por meio de requerimentos e laudos histopatologicos, recebidos durante 16 anos em centro unico de referencia no Canada, sendo classificados e analisados em percentual na amostra. Resultados: Expressao reativa, nuclear e citoplasmatica foi observado em todos os casos de NESO.Entretanto, 50% dos especimes com EN mostraram expressao negativa, 30% reacao fraca e apenas 20% foi considerado reagente. Notou-se significancia estatistica quando se comparou EN e NESO(p<0.0001). Quando comparamos nossa amostra com estudos realizados em paises com altos niveis de exposicao solar observamos menor frequencia de NESO, incluindo-se CCE. Conclusoes: Em nosso trabalho, a conjuntiva foi, pela primeira vez, relacionada a expressao da Sirt1. Os resultados sugerem que a Sirt1 apresenta um importante papel na progressao das NESOs. Pesquisas futuras sao necessarias para que sejam desenvolvidos medicamentos com acao sobre a Sirt1 no tratamento desses tipos de cancer, permitindo a atuacao especifica sobre as celulas neoplasicas, tornando-se uma opcao de tratamento clinico eficaz, com menor toxidade e efeitos colaterais aos pacientes
Descrição
Citação
São Paulo: [s.n.], 2011. 83 p.