Sensibilização comportamental à anfetamina na linhagem de ratos espontaneamente hipertensos (SHR): implicações para o desenvolvimento de dependência na desordem de déficit atencional / Hiperatividade (ADHD)

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2004
Autores
Calzavara, Mariana Bendlin [UNIFESP]
Orientadores
Frussa-Filho, Roberto [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
A desordem de deficit atencional / hiperatividade (ADHD) caracteriza-se por hiperatividade, dificuldades de aprendizagem / memoria e impulsividade, estando presente em 21 a 6 por cento das criancas em idade escolar. Alem disso, e de importancia para esta tese, a ADHD tem sido considerada um fator de risco para o abuso de drogas. Alteracoes na transmissao dopaminergica central tem sido implicadas no desenvolvimento dessa desordem, bem como na dependencia de drogas de abuso. Algumas dessas alteracoes dopaminergicas tambem estao presentes em ratos espontaneamente hipertensos (SHR), considerados um modelo animal de ADHD. A presente tese tem como objetivo verificar os efeitos da administracao repetida de anfetamina, droga de escolha para o tratamento da ADHD, sobre o desenvolvimento de sensibilizacao comportamental a hiperatividade locomotora, comportamento relacionado principalmente) com' estimulacao dopaminergica mesolimbica, e, ao comportamento estereotipado, relacionado com estimulacao dopaminergica nigroestriatal. Nesse sentido, a sensibilizacao comportamental tem sido extensivamente sugerido como um modelo para o estudo da dependencia a drogas de abuso. Nossos resultados mostraram que as linhagens Wistar UMA (normotensos) e SHR apresentam diferencas marcantes no desenvolvimento de sensibilizacao comportamental principalmente no que concerne a influencia do aprendizado I condicionamento nesse fenomeno. No primeiro experimento observamos que embora ambas as linhagens tenham desenvolvido a sensibilizacao ao comportamento estereotipado apos desafio com uma dose alta de anfetamina e com pareamento ao ambiente, o fenomeno apresentou menor magnitude nos ratos SHR. Na analise da atividade locomotora induzida por doses moderadas de anfetamina, verificamos que animais SHR naturalmente mostram-se mais impulsivos, exploradores e ativos. Nesse segundo experimento, a linhagem SHR exibiu uma hiperatividade locomotora sensibilizada apos administracao repetida e pareamento ambientala(au)
Descrição
Citação
São Paulo: [s.n.], 2004. 105 p.