Show simple item record

dc.contributor.authorKuahara, Marcia Veloso [UNIFESP]
dc.date.accessioned2015-12-06T23:03:06Z
dc.date.available2015-12-06T23:03:06Z
dc.date.issued2004
dc.identifier.citationSão Paulo: [s.n.], 2004. 167 p.
dc.identifier.urihttp://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18741
dc.description.abstractIntrodução. Fibromialgia (FM) e uma sindrome dolorosa cronica nao inflamatoria que a despeito da alta frequencia e do grande numero de trabalhos realizados permanece controversa. OBJETIVOS. O principal objetivo deste estudo foi investigar a percepcao da doenca em pacientes do sexo feminino. Os objetivos secundarios foram estudar a historia de vida dessas mulheres, examinar a trajetoria das pacientes durante a sua doenca, como lidam e convivem com a nova situacao, investigar como as mulheres percebem as causas e examinar se a percepcao da FM e influenciada pelo estado economico. MATERIAL E METODO. A investigacao foi realizada utilizando o metodo qualitativo. Foram investigadas 25 mulheres que preencheram criterios para classificacao para a FM (ACR-1990). As pacientes foram selecionadas intencionalmente. A estrategia de amostragem foi do tipo variacao maxima de doenca, e o tamanho da amostra foi organizado a partir do principio da saturacao. Entrevistas abertas foram realizadas obedecendo a um protocolo semi-estruturado. Onze mulheres pertenciam a classe economica alta e 14 mulheres a classe baixa. As entrevistas transcritas foram analisadas usando o Grounded Theory. Os conceitos foram agrupados em categorias e subcategorias. RESULTADOS. Cinco categorias emergiram da analise. A) Percepcao da doenca com as subcategorias Dor, Fatores precipitantes e Legitimidade das queixas. B) Trajetoria com Peregrinacao, Procurando informacao e Papel do medico. C)Modos de Enfretamento e Adaptacao com Perdas, Ganhos, Estrategias de adaptacao e Expectativas. D) Relacao e Fibromialgia e Doenca Mental com Antecedentes psiquiatricos e Tracos de personalidade. E) Percepcao das Causas com Historia de vida e Abstracao-simbolizacao das causas. CONCLUSAO. Concluimos que as mulheres percebem a sua doenca principalmente como dor. A dor e incapacitante e responsavel por afastamentos do trabalho, por alteracoes na rotina familiar e isolamento social. As mulheres foram marginalizadas e questionadas e sentiram alivio apos procurar varios medicos. Elas desenvolveram estrategias de adaptacao a partir de suas proprias experiencias no ambito fisico e psicologico, se beneficiaram com o tratamento e apresentaram expectativas otimistas quanto a evolucao da FM. As pacientes mostram tracos de personalidade e traumas psicologicos e fisicos na infancia sendo a mae responsabilizada por isso. A causa da FM foi percebida como decorrente do estresse emocional na vida, ocorrendo uma integracao mente corpo e uma elaboracao psiquica da causa. As mulheres perceberam a FM de maneira semelhante, independente da classe socialpt
dc.format.extent167 p.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rightsAcesso restrito
dc.subjectFibromialgiapt
dc.subjectPercepçãopt
dc.subjectAcontecimentos que Mudam a Vidapt
dc.titleFibromialgiapt
dc.title.alternativeFibromyalgia: the perception of the syndrome by women, an qualitative approachen
dc.typeTese de doutorado
dc.identifier.fileepm-019533.pdf
dc.description.sourceBV UNIFESP: Teses e dissertações
unifesp.campusUniversidade Federal de São Paulo, Escola Paulista de Medicinapt


Files in this item

FilesSizeFormatView

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record