Expressão protéica e atividades das isoformas (136, 96 e 69 kDa) da enzima conversora de angiotensina I nos diferentes tecidos de ratos wistar, wistar isogênico e espontaneamente hipertensos

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2002
Autores
Ronchi, Fernanda Aparecida [UNIFESP]
Orientadores
Casarini, Dulce Elena [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
A Enzima Conversora de Angiotensina (ECA, peptidil dipeptidase A, EC 3.4.15.1), participa da regulacao da pressao sanguinea, inativando um peptideo biologicamente ativo vasodilatador, a Bradicinina, e converte a Angiotensina I (AI) em Angiotensina II (AII), um potente peptideo vasopressor, a qual exerce varias funcoes fisiologicas e patofisiologicas. Em estudos anteriores de nosso laboratorio, foram detectadas em urina de ratos Wistar (W) as isoformas de 190 e 65 kDa, perfil este semelhante ao descrito para os individuos normotensos. Enquanto que na urina de ratos espontaneamente hipertensos (SHR), foram identificadas as isoformas de 80 e 65 kDa, fragmentos N-terminais da ECA, repetindo o perfil encontrado para individuos hipertensos leves. A proposta deste trabalho foi verificar se a expressao das isoformas das ECAs N-dominio de 65 kDa detectadas na urina de ratos Wistar e as isoformas de 65 e 80 KDa encontradas na urina de ratos SHR nao estaria restrita ao rim e poderia estar sendo encontrada nos tecidos: adrenal, aorta, coracao, figado, pulmao, rim e testiculo. Em nossos estudos purificamos e caracterizamos as isoformas da ECA nos diferentes tecidos dos ratos Wistar, Wistar Isogenicos (WI), caracterizado por genes essencialmente identicos (cruzamento entre ratos Wistar irmaos), e SHR. Os tecidos foram homogeneizados em tampao fosfato de sodio 0,1 M, pH 7,2, contendo sucrose 0,34 M, NaCI 0,3 M e inibidores, PMSF 100 mM e pOHMB 0,1 mM (1g de tecido para 10 mL de tampao). Os homogenatos foram submetidos separadamente a uma gel filtracao em coluna AcA-44, equilibrada com tampao Tris-HCI 50 mM, pH 8,0, contendo NaCI 150 mM. Foram coletadas fracoes de 1,0 mL sob fluxo de 20 mL/h. A atividade enzimatica foi determinada utilizando-se o Z-Phe-HL como substrato. Os pesos moleculares foram determinados por eletroforese em gel de poliacrilamida e a expressao proteica verificada por Western Blotting utilizando anticorpo monoclonal contra ECA de rato. A quantificacao de angiotensina II (AII) foi determinada por...(au)
Descrição
Citação
São Paulo: [s.n.], 2002. 106 p. ilustab.