Estudo da configuração tóraco-abdominal, do volume corrente e das trocas gasosas no pós-operatório de craniotomia eletiva

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2002
Autores
Pereira, Juliana Franceschini [UNIFESP]
Orientadores
Jardim, José Roberto de Brito [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Introdução, No pos-operatorio de cirurgia geral, principalmente em cirurgias toracicas e abdominais, e frequente o desenvolvimento de alteracoes fisiopatologicas pulmonares, como reducao dos volumes e capacidades pulmonares, mudanca no padrao respiratorio e alteracao das trocas gasosas. No entanto, acreditava-se que, nas demais cirurgias, o desenvolvimento destas alteracoes seria insignificante. Porem em um trabalho recente foi verificada a possibilidade de reducao da capacidade vital e dos volumes pulmonares no pos-operatorio de craniotomia. OBJETIVOS: Averiguar e quantificar as mudancas nas trocas gasosas e mensurar o padrao respiratorio, pelo indice diafragmatico, e os parametros volume corrente, volume minuto e frequencia respiratoria em pacientes submetidos a craniotomia eletiva por aneurisma ou tumor. Dividir os pacientes em grupos segundo os diagnosticos (aneurisma x tumor) e nivel de consCiência no periodo pos-operatorio (normal x alterado, segundo escala de Jouvet) e verificar se existia diferenca entre eles. CASUIIS T ICA e METODO: Foram avaliados 50 pacientes, submetidos a craniotomia eletiva para clipagem de aneurisma ou resseccao de tumor, sob anestesia geral. Medidas de volume minuto 04A), volume corrente (\,'C), frequencia respiratoria e indice diafragmatico (ID) foram obtidas no periodo pre-operatorio e nos quatro dias subsequentes de pos-operatorio. As medidas de pH, PaC02, Pa02, eSa02 foram obtidas no periodo pre-operatorio e nos dois dias subsequentes de pos-operatorio. Os resultados obtidos foram submetidos aos testes nao parametricos de Friedman, Vluicoxon, Mann=Whitney e o coeficiente de correlacao de Spearman. RESULTADOS: Nos pacientes submetidos a craniotomia eletiva por aneurisma ou tumor ocorreu diminuicao do VC e aumento da frequencia respiratoria ate o 4º dia cie pos-operatorio (p<0,05). O ID estava diminuido ate o 2º dia de pos-operatorio, em decorrencia de diminuicao na distensao abdominal e aumento na distensao toracica (p<0,05). Houve discreta diminuicao da Pa02 e Sa02, com aumento significante na diferenca alveolo-arterial de 02 ate o 20 pos-operatorio (p<0,05). Ocorreu significant2 diminuicao na PaC02, e aumento no pH (p<0,05), sem alteracao no excesso de bases, demonstrando que ocorreu aumento da ventilacao alveolar, em decorrencia do aumento da frequencia respiratoria...(au)
Descrição
Citação
São Paulo: [s.n.], 2002. 106 p. ilustab.