Implatacao e aplicacao pratica do programa de melhora continua da qualidade em uma unidade satelite de hemodialise

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2000
Autores
Manfredi, Silvia Regina [UNIFESP]
Orientadores
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Na decada de 90, entre os varios sistemas gerenciais para a melhoria da qualidade, o Programa de Melhoria Continua da Qualidade (Continuous Quality Improvement -CQI), despertam grande interesse na area da Saúde. Os objetivos principais desse programa sao a satisfacao dos pacientes e fonte pagadora, a contencao de custos e a obtencao de elevados resultados clinicos. A Unidade Satelite de Dialise da Fundacao Oswaldo Ramos, com a preocupacao de oferecer melhores cuidados aos pacientes em programa de hemodialise cronica, adotou a CQI em 1992. A aplicacao desse sistema de gerenciamento permitiu uma visao global da instituicao, possibilitando a identificacao de oportunidades para melhorias nos aspectos organizacionais, funcionais e clinicos da unidade. No presente trabalho, descrevemos nosso programa de qualidade, e demonstramos a sua aplicabilidade na resolucao de problemas. Para isso foi descrita a abordagem de um surto de hepatite B detectado pelo programa de CQI em 1996. Tambem foi realizada uma analise epidemiologica, na qual as acoes tomadas para a resolucao do surto foram estudadas, quanto ao seu impacto na incidencia de hepatite B na Unidade Satelite de Dialise. Nesse programa de CQI os dados foram obtidos por meio de formularios, com perguntas definidas, que eram respondidas diariamente pela enfermagem e mensalmente pelos medicos. Os dados eram apresentados em reunioes mensais com representantes da equipe multiprofissional (equipe de CQI) para discussao, analise e propostas de solucoes para os problemas prioritarios identificados. Os processos de melhoria instituidos eram gerenciados pela ferramenta da CQI, o Cicio PDCA (Plan, Do, Check and Act). Em 1996, observamos a ocorrencia de 14 seroconversoes para hepatite B em nossa unidade, o que nos levou a uma investigacao das possiveis causas desse surto. Para a analise epidemiologica, dividimos o periodo de estudo em 3 fases: fase 1 janeiro/95-maio/96) que antecede o surto, onde os pacientes eram separados por postos de hemodialise, e os seus dialisadores separados na sala de reprocessamento de acordo com o perfil viral; fase 2 junho a dezembro/96) com a inauguracao da Unidade Hospitalar de Dialise, foram transferidos os pacientes portadores de HBV e HCV para essa unidade, permanecendo na Unidade Satelite de Dialise apenas os pacientes imunes/susceptiveis para hepatite B. Nessa fase houve um grande afluxo de novos pacientes para Unidade Satelite de Dialise. fase 3 ...(au)
Descrição
Citação
São Paulo: [s.n.], 2000. 57 p.
Coleções