Correlação entre o índice da altura palatina, a forma das tonsilas palatinas e a ocorrência de sigmatismo interdental

Nenhuma Miniatura disponível
Data
1999
Autores
Carvalho, Ester Luisa Leite [UNIFESP]
Orientadores
Vieira, Raymundo Manno [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Este estudo foi realizado com o objetivo de verificar a existencia da relacao entre as formas de palatos, estabelecida pelo indice da Altura Palatina, a forma das tonsilas palatinas e a ocorrencia de sigmatismo interdental. A populacao avaliada foi composta por 60 pacientes, 30 do sexo masculino e 30 do feminino e com idades de 7 a 9 anos incompletos e de 12 a 14 anos incompletos, todos brasileiros. Para atingir os objetivos, a amostra foi submetida a uma avaliacao do indice da Altura Palatina, sendo obtido para o sexo masculino a media de 37,76 n 9,76 e para o sexo feminino de 39,28 n 7,64, para a faixa etaria de 7 a 8 anos a media foi de 37,61 n 8,02 e para 12 a 13 anos foi de 39,44 n 8,02, nao tendo sido observado diferenca significante entre os sexos e entre as faixas etarias estudadas, sugerindo, os resultados, que a altura do palato aumenta com a idade e define-se primeiro na mulher depois no homem. Outro aspecto constatado foi o de que, embora com uma diferenca pequena, a media do indice da Altura Palatina foi de aproximadamente 40 por cento da largura palatina, tanto para o sexo, como para as faixas etarias estudadas, mostrando que a altura palatina e quase a metade da largura palatina. Na sequencia foram avaliados a forma das tonsilas palatinas e a ocorrencia de sigmatismo interdental, sendo que ocorreu em 56,67 por cento dos casos tonsilas palatinas normais e 66,60 por cento dos pacientes nao apresentaram sigmatismo interdental. Somando e subtraindo o desvio padrao da media foram estabelecidos intervalos para classificar os palatos, havendo predominio do tipo de palato medio em 68,40 por cento dos casos quando aplicado os resultados de CARVALHO e 48,30 por cento com palato alto, quando aplicado os intervalos estabelecidos por M-ARTIN & SALLER e SICBER & TANDLER. Na analise dos resultados obtidos verificou-se diferencas estatisticamente significante, entre os resultados desta pesquisa e a referida na literatura considerada
Descrição
Citação
São Paulo: [s.n.], 1999. 91 p. tab.