Estudo prospectivo das condições socieoconômicas, nutricionais e metabólicas em meninas eutróficas ou com desnutrição pregressa, moradoras em favelas do município de São Paulo

Nenhuma Miniatura disponível
Data
1999
Autores
Grillo, Luciane Peter [UNIFESP]
Orientadores
Sawaya, Ana Lydia [UNIFESP]
Tipo
Tese de doutorado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Estudos recentes sugerem uma associacao entre desnutricao pregressa e risco de obesidade futura. O presente estudo procurou, entao, investigar os mecanismos que poderiam explicar essa associacao atraves de um estudo prospectivo de 36 meses em escolares com desnutricao pregressa (DP= estatura/idade <95 por cento e peso/estatura >90 por cento) e eutroficas (EU= estatura/idade >95 por cento e peso/estatura >90 por cento), moradoras em favelas do municipio de São Paulo. As variaveis associadas a desnutricao foram analfabetismo materno, renda per capita e numero de filhos. A inGestão alimentar, estadiamento puberal, idade ossea e os niveis de cortisol salivar foram semelhantes entre os dois grupos. Ao analisar a composicao corporal, atraves do metodo de densitometria ossea, o grupo com desnutricao apresentou uma tendencia a valores inferiores de massa de gordura e massa magra, porem quando avaliado pelo metodo de pregas cutaneas, a variavel significativamente inferior foi a massa magra. Encontrou-se tambem no grupo DP valores maiores e significantes na relacao cintura/quadril e cintura/coxa, no inicio do estudo. Ambos os grupos apresentaram niveis de IGF-1 abaixo da normalidade. Os resultados do presente estudo revelaram, ainda que, durante o periodo de seguimento, as criancas com desnutricao pregressa apresentaram taxa de metabolismo de repouso menor associada a um aumento na velocidade de ganho de peso. Esses fatores tem sido descritos na literatura como fatores promotores de obesidade
Descrição
Citação
São Paulo: [s.n.], 1999. 140 p.
Coleções