Show simple item record

dc.contributor.authorRincon, Luz Alcira Avila [UNIFESP]
dc.date.accessioned2015-12-06T23:00:27Z
dc.date.available2015-12-06T23:00:27Z
dc.date.issued1999
dc.identifier.citationSão Paulo: [s.n.], 1999. 183 p.
dc.identifier.urihttp://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16351
dc.description.abstractO sistema de Saúde na Colombia passa por um processo de reforma no sentido de garantir as condicoes de acesso universal a populacao em todos os niveis de assistencia. Para tanto, o atual Sistema de Seguridade Social em Saúde possui duas modalidades de afiliacao: uma para aqueles que podem pagar pelos servicos de Saúde (regime contributivo) e outra para a populacao sem possibilidade de custear o atendimento a Saúde (regime subsidiado). A conjuntura imposta por essa reforma gera uma serie de inquietacoes tanto nos usuarios quanto nos profissionais de Saúde. Nesse sentido, o objetivo desta pesquisa foi o de analisar as representacoes sociais sobre Saúde e doenca e as praticas de atendimento em Saúde no ambito de uma instituicao prestadora de servicos (IPS) na cidade de Santafe de Bogota (Colombia) a partir do ponto de vista da equipe de Saúde e das familias usuarias do regime subsidiado. Para coletar os dados utilizamos a observacao participante, entrevistas semi-estruturadas e a aplicacao de um formulario. A analise dos dados foi realizada a partir de um recorte tematico e sua interpretacao baseou-se no marco teorico das representacoes sociais. Os temas analisados foram Saúde, doenca, praticas de Saúde, politicas e programas no regime subsidiado, familia e Saúde familiar. Estes temas evidenciaram alguns elementos que favoreceram maior compreensao dos usuarios e dos profissionais, assim como, de suas expectativas quanto ao Sistema de Seguridade Social em Saúde. Esta pesquisa permitiu verificar que existem diferencas quanto aos significados atribuidos aos temas acima mencionados entre usuarios e profissionais de Saúde, tais diferencas nao sao vistas como problema, e por isso mesmo, nao sao discutidas nem consideradas. Na pratica isto constitui uma barreira para a implementacao dos programas de Saúdept
dc.format.extent183 p.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rightsAcesso restrito
dc.subjectSistemas de Saúdept
dc.subjectConhecimentos, Atitudes e Prática em Saúdept
dc.subjectAtitude Frente à Saúdept
dc.subjectAtitude do Pessoal de Saúdept
dc.subjectPrática de Saúde Públicapt
dc.titleUma realidade para ser refletida: praticas de atendimento em um servico de Saúde na Colombiapt
dc.title.alternativeA reality to be considered: assistance practices of a health services in Colombiaen
dc.typeTese de doutorado
dc.identifier.fileepm-016060.pdf
dc.description.sourceBV UNIFESP: Teses e dissertações
unifesp.campusUniversidade Federal de São Paulo, Escola Paulista de Medicinapt


Files in this item

FilesSizeFormatView

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record