Avaliacao da densidade mineral ossea de pacientes com sindrome de Turner na faixa pediatrica

Show simple item record

dc.contributor.author Gabbay, Monica Andrade Lima [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2015-12-06T22:59:59Z
dc.date.available 2015-12-06T22:59:59Z
dc.date.issued 1998
dc.identifier.citation São Paulo: [s.n.], 1998. 124 p. ilustab.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15943
dc.description.abstract E descrito osteopenia em pacientes adultas com sindrome de Turner, no entanto, na faixa pediatrica os achados sao contraditorios. A presenca nessa sindrome de hipoestrogenismo e displasia ossea torna as pacientes um modelo biologico para o estudo desta condicao. Deste modo, o conhecimento da osteopenia durante a infancia e adolescencia poderia contribuir para a prevencao da osteoporose. Objetivo: Conhecer a DMO de pacientes com sindrome de Turner e compara-la as criancas normais. Estabelecer se a ostepenia descrita nos mulheres adultas com essa sindrome ja esta presente durante a infancia. Metodologia: Foram avaliadas 35 pacientes com sindrome de Turner e 55 meninas normais, na faixa etaria de 7 a 17 anos, do Ambulatorio de Endocrinologia do Departamento de Pediatria da U.N.I.F.E.S.P./E.P.M. Foram realizados densitometria ossea de corpo total e lombar e os resultados comparados com os controles de acordo com a idade, IO, peso, IMC e estatura. Resultados: Nao se detectou osteopenia em pacientes com idade inferior a 10 anos. Nas pacientes com idade superior a 10 anos a DMO foi significativamente menor que os controles de mesma idade, porem esta diferenca foi menor quando utilizou-se como parametro, a 10. Pacientes com sindrome de Turner com peso e IMC maiores apresentaram DMO significativamente menor que seus controles, assim como pacientes com reposicao estrogenica tambem apresentaram massa ossea menor que meninas normais pos menarca. Nao houve diferenca da DMO quando as pacientes foram comparadas a controles de mesma estatura. Nao houve associacao entre tipo de carotipo e DMO. Conclusao: Pacientes com S. de Turner com idade inferior a 1O anos nao apresentam osteopenia. Nas pacientes com idade superior a 1O anos a osteopenia encontrada ao comparar a controles de mesma idade e minimizada quando os resultados sao analisados segundo a 10 e eliminada quando comparada a controles de mesma estatura. Nao houve associacao entre tipo de cariotipo e DMO pt
dc.format.extent 124 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject Síndrome de Turner pt
dc.subject Densitometria pt
dc.subject Doenças Ósseas Metabólicas pt
dc.title Avaliacao da densidade mineral ossea de pacientes com sindrome de Turner na faixa pediatrica pt
dc.title.alternative Evaluation of Turne's syndrome bone mineral density in childhood en
dc.type Dissertação de mestrado
dc.identifier.file epm-015620.pdf
dc.description.source BV UNIFESP: Teses e dissertações
unifesp.campus Universidade Federal de São Paulo, Escola Paulista de Medicina pt



File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account