Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8790
Title: Surgical results of strabismus correction in patients with myelomeningocele
Other Titles: Resultados cirúrgicos da correção do estrabismo em pacientes com mielomeningocele
Authors: Issaho, Dayane Cristine [UNIFESP]
Tabuse, Marcia Keiko Uyeno [UNIFESP]
Kamida, Nilce Tiemi Shiwaku [UNIFESP]
Cronemberger, Monica Fialho [UNIFESP]
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Keywords: Meningomyelocele
Strabismus/surgery
Anisotropy
Visual acuity
Meningomielocele
Estrabismo/cirurgia
Anisotropia
Acuidade visual
Issue Date: 1-Feb-2015
Publisher: Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Citation: Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 78, n. 1, p. 15-18, 2015.
Abstract: Purpose: Myelomeningocele is one of the most common birth defects. It is associated with severe neurological deficiencies, and ocular changes, such as strabismus, are very common. The purpose of this study was to describe indications for strabismus surgery in patients with myelomeningocele and to evaluate the results achieved with surgical correction. Methods: We retrospectively reviewed records of all patients with myelomeningocele who underwent surgery for strabismus correction in a 5-year period in an institution for disabled children. Results: The main indications for strabismus surgery were esotropia and A-pattern anisotropia. Excellent surgical results were achieved in 60.9% of patients, satisfactory in 12.2%, and unsatisfactory in 26.9%. Conclusion: Patients with myelomeningocele and strabismus had a high incidence of esotropia and A-pattern anisotropia. Strabismus surgery in these patients had an elevated percentage of excellent and satisfactory results, not only for the ocular deviation, but also for improvement of head posture.
Objetivo: A mielomeningocele é um dos mais frequentes defeitos do nascimento e está associada a disfunções neurológicas severas. Alterações oculares como estrabismo são muito comuns nesses pacientes. O objetivo deste estudo foi descrever as principais indicações de cirurgia de estrabismo em pacientes com mielomeningocele e avaliar os resultados atingidos com a correção cirúrgica. Métodos: Foi realizado estudo restrospectivo com revisão de prontuários de todos os pacientes com mielomeningocele submetidos à cirurgia para correção de estrabismo em um período de 5 anos em uma instituição de assistência a crianças deficientes. Resultados: As principais indicações para cirurgia de estrabismo foram esotropia e anisotropia com padrão em A. Resultados cirúrgicos excelentes foram alcançados em 60,9% dos pacientes, satisfatórios em 12,2% e insatisfatórios em 26,9%. Conclusão: Pacientes com mielomeningocele e estrabismo têm uma alta incidência de esotropia e anisotropia com padrão em A. A cirurgia de estrabismo nesta população teve uma elevada porcentagem de resultados excelentes e satisfatórios, não somente em relação ao desvio ocular, mas também na melhora na posição viciosa de cabeça
URI: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8790
ISSN: 0004-2749
1678-2925
Other Identifiers: http://dx.doi.org/10.5935/0004-2749.20150005
Appears in Collections:Artigo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0004-27492015000100015.pdf409.68 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.