Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6324
Title: Avaliação da formação interprofissional no ensino superior em saúde: aspectos da colaboração e do trabalho em equipe
Other Titles: Evaluation of interprofessional education in undergraduate health science: aspects of collaboration and teamwork
Authors: Aguilar-da-Silva, Rinaldo Henrique [UNIFESP]
Scapin, Luciana Teixeira
Batista, Nildo Alves [UNIFESP]
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Faculdade de Medicina de Marília
Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora
Keywords: Interprofessional education
Evaluation
University education
Educação Interprofissional
Avaliação
Educação Superior
Issue Date: 1-Mar-2011
Publisher: Universidade de Sorocaba
Citation: Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas). Universidade de Sorocaba, v. 16, n. 1, p. 165-184, 2011.
Abstract: There is a belief that interprofessional education will enhance attitudes toward teamwork and collaboration, leading to improved patient care upon graduation. In other words, the key objective of interprofessional education is to create undergraduate health science students who are prepared for interprofessional practice. This study sought to establish what the attitudes of undergraduates toward interprofessional education for aspects of collaboration and teamwork in the Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz Fora (FCMS/JF). Data were collected using the Readiness for Interprofessional Learning Scale (RIPLS) questionnaire survey and focus group interviews. The findings of this research indicate that undergraduate health science students are open to the notion of shared learning.
Acredita-se que a educação interprofissional pode reforçar as atitudes para o trabalho em equipe e colaboração, levando a uma melhor assistência ao paciente após a formatura. Em outras palavras, o objetivo fundamental da educação interprofissional é a formação de estudantes de graduação na área da saúde mais preparados para a prática interprofissional. Este estudo procurou determinar quais as atitudes dos estudantes em relação à educação interprofissional para aspectos de colaboração e trabalho em equipe na Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora (FCMS / JF). Os dados foram coletados utilizando-se uma escala de percepção do trabalho interprofissional (RIPLS) e realização de grupo focal. Os resultados desta pesquisa indicam que os estudantes de graduação em ciências da saúde estão abertos para a aprendizagem compartilhada.
URI: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/6324
ISSN: 1414-4077
Other Identifiers: http://dx.doi.org/10.1590/S1414-40772011000100009
Appears in Collections:Artigo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S1414-40772011000100009.pdf793.72 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.