Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/50375
Title: Cinética De Citocinas Em Crianças Neutropênicas Febris: Observações Sobre A Utilidade Como Biomarcadores De Sepse, Influência Da Filgrastima E Comportamento Do Eixo Il-23/Il-17
Authors: Petrilli, Antonio Sergio [UNIFESP]
Araujo, Orlei Ribeiro De [UNIFESP]
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Keywords: Cytokines
Sepsis
Biomarkers
Oncology
Child
Citocinas
Sepse
Biomarcadores
Oncologia
Criança
Issue Date: 31-Oct-2017
Publisher: Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract: Objectives: Children with cancer often present signs of systemic inflammatory response syndrome in the absence of infection, and sepsis can be difficult to identify. The study aimed to describe the kinetics of various cytokines from day 1 to day 14 of the onset of fever in neutropenic children, and to evaluate their performances as discriminators of sepsis in the first 24 hours of fever in comparison with procalcitonin and C- reactive protein. Methods: IL-1β, TNF-α, IL-10, IL-12/23p40, IL-21, IL-6, IL-8, IL-17, G-CSF, and GM-CSF were measured in blood on days 1, 2, 3, 5, and 14 from the onset of fever in 35 patients. Measurements of C-reactive protein and blood cell counts were also taken on the same days. Procalcitonin was measured on day 1. Statistical analyses involved factor analysis and mixed models. Results: Thirteen patients (37.1%) developed sepsis. Bacteria were recovered in 10 septic patients. In mixed models, IL-6, IL-8, IL-10, and G-CSF showed higher estimated means in septic patients (P <0.005), and IL-12/23p40 and IL-17 in non-septic patients (P <0.05). Correlation between IL 17 and IL-12/23p40 was linear (R2 = 0.88). On day 1, IL-6, IL-8, and IL-10 appeared upregulated in patients who received filgrastim. Only IL-6, IL-8, IL-10, and PCT were useful as discriminators of sepsis. Associating the markers with each other or to a risk assessment model improved performance. Conclusions: Pro- and anti-inflammatory responses occur early and simultaneously in febrile neutropenic children. We observed a deficiency in the IL-23-Th17 axis, which may represent an aspect of immunosuppression accompanying sepsis. IL-8, IL-6, IL-10, and PCT were useful biomarkers of sepsis in the first 24 hours of fever. Filgrastim apparently upregulates expression of these markers, with little impact on diagnostic performance.
Objetivos: Crianças com câncer frequentemente apresentam sinais de síndrome de resposta inflamatória sistêmica na ausência de infecção, o que pode tornar a sepse difícil de identificar. O estudo teve como objetivos descrever a cinética de várias citocinas do primeiro ao décimo-quarto dia (a partir do início da febre) em crianças neutropênicas, e avaliar seus desempenhos como discriminadores de sepse nas primeiras 24 horas, em comparação com a procalcitonina e proteína C-reativa. Métodos: Os valores de IL-1β, TNF-α, IL-10, IL-12/23p40, IL-21, IL-6, IL-8, IL-17, G-CSF e GM-CSF foram medidos no sangue nos dias 1º, 2º, 3º, 5º e 14º do início da febre em 35 pacientes. Medidas de proteína C-reativa e contagem de células sanguíneas também foram feitas nos mesmos dias. A procalcitonina foi medida no 1º dia. As análises estatísticas envolveram análise fatorial e modelos mistos. Resultados: Treze pacientes (37,1%) desenvolveram sepse. Bactérias foram isoladas em 10 pacientes sépticos. Nos modelos mistos, IL-6, IL-8, IL-10 e G-CSF apresentaram maiores médias estimadas em pacientes sépticos (P < 0,005) e IL-12/23p40 e IL-17 em pacientes não-sépticos (P < 0,05). A correlação entre IL-17 e IL-12/23p40 foi linear (R2 = 0,88). No 1º dia, IL-6, IL-8 e IL-10 pareceram sofrer regulação para cima nos pacientes que receberam filgrastima. Apenas IL-6, IL-8, IL-10 e PCT foram úteis como discriminadores de sepse. A associação dos marcadores entre si ou com um modelo de avaliação de risco melhorou o desempenho. Conclusões: As respostas pró e anti-inflamatórias ocorrem precocemente e simultaneamente em crianças neutropênicas febris. Observamos uma deficiência no eixo IL-23-Th17, que pode representar um aspecto da imunossupressão acompanhando a sepse. IL-8, IL-6, IL-10 e PCT foram biomarcadores úteis de sepse nas primeiras 24 horas de febre. A filgrastima aparentemente regula positivamente a expressão destes marcadores, com pouco impacto no desempenho diagnóstico.
URI: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/50375
Other Identifiers: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=5201473
Appears in Collections:Tese de doutorado

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.