Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4526
Title: Desempenho de idosos em um teste de fala na presença de ruído
Other Titles: Performance of elderly in a speech in noise test
Authors: Calais, Lucila Leal [UNIFESP]
Russo, Ieda Chaves Pacheco
Borges, Alda Christina Lopes de Carvalho [UNIFESP]
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Departamento de Clínica Fonoaudiológica
Santa Casa de Misericórdia de São Paulo Faculdade de Ciências Médicas
Centro de Estudos dos Distúrbios da Audição
Keywords: Aged
Auditory Perception
Speech Discrimination Tests
Presbycusis
Idoso
Percepção Auditiva
Testes de Discriminação da Fala
Presbiacusia
Issue Date: 1-Sep-2008
Publisher: Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda.
Citation: Pró-Fono Revista de Atualização Científica. Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda., v. 20, n. 3, p. 147-152, 2008.
Abstract: BACKGROUND: speech perception of elderly, in silence and in the presence of background noise. AIM: to characterize and compare the hearing abilities of elderly in a monaural speech perception test, in the presence and absence of background noise (Speech Discrimination Test - SDT and Speech Perception in Noise - SPIN). METHOD: Participants of this study were 55 subjects of both genders, 60 years old or above, distributed in two groups: Control Group (CG), constituted by elders with no hearing loss and Study Group (SG), constituted by elders with symmetrical sensorineural hearing loss. The SPIN test was used, initially with the presentation of a word list in silence and later in the presence of Speech Noise. RESULTS: no difference was observed between genders in the SDT and the SPIN test. Correlation with age was observed only in the SDT for SG. A significant difference was observed when comparing the performance of the groups in the SDT and SPIN test. Regarding the presence of substitutions in the articulation of words, it was observed that it occurred in both groups and was more frequent in SPIN test, especially for the SG. CONCLUSION: the presence of the noise during the production of speech sounds is disadvantageous for elders, independently of the presence of hearing loss, but having a higher impact for those with hearing loss problems.
TEMA: percepção de fala no silêncio e na presença de ruído em idosos. OBJETIVO: caracterizar e comparar as habilidades auditivas de idosos em um teste monótico de percepção de fala, sem e com a presença de ruído competitivo (Índice Perceptual de Reconhecimento de Fala - IPRF e Fala com Ruído - F/R). MÉTODO: foram avaliados 55 sujeitos de ambos os sexos, com idade a partir de 60 anos distribuídos em grupos: Grupo Controle (GC), constituído de idosos sem perda auditiva e Grupo Estudo (GE), constituído de idosos com perda auditiva neurossensorial simétrica. Foi utilizado o Teste de Fala com Ruído, com a apresentação de uma lista de palavras primeiramente sem a presença de ruído e depois na presença de ruído do tipo Speech Noise. RESULTADOS: não houve diferença entre homens e mulheres para os testes IPRF e F/R e correlação da idade somente para o IPRF no GE. Também foi observada diferença significativa no desempenho entre os grupos nos testes IPRF e F/R. Com relação à presença das trocas articulatórias, foi observado que elas ocorreram nos dois grupos estudados, sendo mais freqüente no teste F/R e, principalmente, para o grupo estudo. CONCLUSÃO: a presença do ruído juntamente com os sons de fala é prejudicial para os idosos, independente da presença da perda auditiva, sendo o impacto maior para aqueles que a possuem.
URI: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4526
ISSN: 0104-5687
Other Identifiers: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-56872008000300002
Appears in Collections:Em verificação - Geral

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0104-56872008000300002.pdf80.72 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.