Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3989
Title: Exposição ao tabagismo e atitudes: comparação entre inquéritos realizados na população adulta do município de São Paulo em 1987 e 2002
Other Titles: Exposition to smoking and attitudes: comparison between inquiries applied to adult population in São Paulo City, 1987 and 2002
Authors: Marcopito, Luiz Francisco [UNIFESP]
Coutinho, Ana Paula [UNIFESP]
Valencich, Dalva Maria De Oliveira [UNIFESP]
Moraes, Marco Antonio De [UNIFESP]
Brumini, Rodolfo [UNIFESP]
Ribeiro, Sandra Aparecida [UNIFESP]
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Secretaria do Estado de Saúde
Keywords: Smoking
prevalence
adult
sampling studies
Tabagismo
prevalência
adulto
amostragem
Issue Date: 1-Nov-2007
Publisher: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Citation: Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC, v. 89, n. 5, p. 333-340, 2007.
Abstract: BACKGROUND: Periodic monitoring of tobacco smoking in the population is of public health interest. OBJECTIVES: To compare the prevalence of smoking habits and attitudes toward tobacco smoking from a sample of residents of the City of São Paulo, in 1987 and 2002. METHODS: Two random sampling household surveys were carried out among residents of the City of São Paulo, in 1987 and 2002, respectively with 1,471 and 2,103 participants aged 15-59 years RESULTS: Age-adjusted prevalence of tobacco smoking dropped from 41.8% (in 1987) to 25.5% (in 2002) among males and, respectively, from 30.6% to 19.8% among females, and such reduction was observed in all education levels. There was a decrease in the mean number of cigarettes smoked a day among men (but an increase among women), There was a growth in the preference for low tar cigarettes, an increase in those who quit smoking in the last 10 years, a growth among those who seriously tried to quit smoking, and an increase in those who believe in that smoking is dangerous for your health. CONCLUSION: There was a favorable change in the situation of smoking habits in the City of São Paulo from 1987 to 2002.
FUNDAMENTO: O monitoramento periódico do tabagismo na população é de interesse para a saúde pública. OBJETIVOS: Comparar a prevalência do tabagismo e atitudes em relação ao tabagismo em uma amostra de residentes do município de São Paulo, em 1987 e em 2002. MÉTODOS: Foram realizados dois inquéritos domiciliários por amostragem probabilística em residentes do município de São Paulo, em 1987 e em 2002, respectivamente com 1.471 e 2.103 entrevistados na faixa etária de 15 a 59 anos. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo ajustada para idade caiu de 41,8% (em 1987) para 25,5% (em 2002) no sexo masculino e, respectivamente, de 30,6% para 19,8% no sexo feminino. Houve redução do tabagismo em todos os níveis de escolaridade, diminuição da média diária de cigarros no sexo masculino (mas elevação no feminino), crescimento pela procura de cigarros com baixo teor, aumento dos que deixaram de fumar havia mais de 10 anos, crescimento dos que tentaram seriamente parar de fumar, aumento dos que cogitavam em parar totalmente e aumento do reconhecimento de que fumar faz mal para a saúde. CONCLUSÃO: Houve mudança favorável na situação do tabagismo na cidade de São Paulo de 1987 para 2002.
URI: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3989
ISSN: 0066-782X
Other Identifiers: http://dx.doi.org/10.1590/S0066-782X2007001700009
Appears in Collections:Em verificação - Geral

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0066-782X2007001700009-en.pdf583.31 kBAdobe PDFView/Open
S0066-782X2007001700009-pt.pdf674.81 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.