Proliferação do epitélio superficial ovariano depois da administração de estrogênio conjugado eqüino em ratas senis

Proliferação do epitélio superficial ovariano depois da administração de estrogênio conjugado eqüino em ratas senis

Título alternativo Proliferation of the ovarian superficial epithelium after administration of conjugated equine estrogens in senile female rats
Autor Perniconi, Sergio Eduardo Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Simões, Manuel de Jesus Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: To evaluate the effect of different concentrations of estrogen on the ovarian superficial epithelium in senile female rats. Design: Fifty female rats at 15 months of age and with irregular estrous cycles were selected and randomly divided into five experimental groups containing equal numbers of animals in each: GPROP, control group receiving vehicle only; GE0.05mg, group receiving conjugated equine estrogens (CEE) at a dose of 50 ìg/kg; GE0.5mg, group receiving CEE at 500 ìg/kg; GE1mg, group receiving CEE at 1 mg/kg; and GE2mg, receiving CEE at 2 mg/kg. The length of treatment was 21 days. After this period, the animals were anesthetized and the ovaries were fixed in 10% formaldehyde and processed for routine histology. Histomorphology was analyzed by light microscopy, and histomorphometrics were evaluated using the Imagelab program. RESULTS: In the GPROP and GE0.05mg groups, the superficial epithelium of the ovary had a simple cuboidal shape, and as the estrogen dose increased, the epithelium thickened, with pseudo-stratified or stratified epithelium appearing in the GE2mg group. The animals in the group given the highest estrogen dose (GE2mg) showed the thickest ovarian epithelium and the largest perimeter and surface area of the surface ovarian epithelium (P < 0.01). However, the difference in epithelium thickness between the GE0.5mg and GE1mg groupswas only slight. CONCLUSION: Our data suggest that CEE at a dose of 2 mg/kg may induce marked proliferation of rat ovarian epithelium.

Objetivo: Avaliar o efeito de diferentes concentracoes de estrogenio sobre o epitelio superficial do ovario de ratas senis. Foram empregadas cinquenta ratas adultas com15 meses de idade e com ciclos irregulares, sendo aleatoriamente dividas em cinco grupos com o mesmo numero de animais: GPROP - controle (veiculo); GE0,05mg - Estrogenios Conjugados Equinos 50 ƒÊg/Kg (ECE); GE0,5mg - ECE 500 ƒÊg/Kg; GE1mg - ECE 1 mg/Kg; GE2mg - ECE 2mg/Kg. As ratas foram tratadas por gavagem durante 21 dias. Apos este periodo, os animais foram anestesiados e os ovarios foram fixados em formol 10% e submetidos a tecnica histologica convencional e corados pelo HE. O aspecto morfologico foi analisado em microscopia de luz e a histomorfometria foi avaliada usando o programa imagelab. Nos grupos GPROP and GE0,05mg, o epitelio superficial do ovario era cubico simples e conforme o aumento da dose de estrogenio, houve espessamento do epitelio ovariano com presenca de epitelio pseudo-estratificado ou estratificado no GE2mg. Os animais do grupo que recebeu a maior dose de estrogenios (GE2 mg) apresentaram a maior area, espessura e perimetro do epitelio superior ovariano comparado aos outros grupos (P<0.01). Contudo, houve pequena variacao da espessura entre o GE0,5mg e o GE1mg nos parametros histomorfometricos analisados. Nossos dados sugerem que a dose de 2mg de ECE pode induzir a proliferacao acentuada aumento de espessura e area do epitelio superficial do ovario de ratas senis.
Palavra-chave Animal Model
Epitélio ovariano
Histomorfometria
Morfologia
Ovary
Ratas senis
Superficial epithelium
Estrogens
Estrogênio
Senile female rats
Estrogênios conjugados (USP)
Estrogens, conjugated (USP)
Neoplasias ovarianas
Ovarian neoplasms
Ratos Wistar
Rats, Wistar
Animais
Animals
Feminino
Female
Idioma Português
Data de publicação 2009-07-29
Publicado em PERNICONI, Sergio Eduardo. Proliferação do epitélio superficial ovariano depois da administração de estrogênio conjugado eqüino em ratas senis. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 49 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9986

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Retido-00265.pdf
Tamanho: 1.171MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta