Participação de células B-1b noprocesso de cicatrização no camundongo

Participação de células B-1b noprocesso de cicatrização no camundongo

Título alternativo The participation of B-1b cells in the wound healing process in mice
Autor Oliveira, Helena da Cruz Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Mariano, Mario Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Microbiologia e imunologia - São Paulo
Resumo Wound healing is a complex phenomenon whose mechanisms are not fully understood. There are no reports concerning the participation of B lymphocytes in tissue repair. However, Almeida et al (Inter Immunol, 2001) demonstrated that B-1 cells proliferate in stationary culture of adherent peritoneal cells. Further, that B-1 cells migrate to non-specific inflammatory focus and differentiate into a mononuclear phagocyte. B-1 cells differ from conventional B cell by its anatomical location, ontogeny, surface markers expression, production of antibodies and growth properties. B-1 cells are present in the peritoneal and pleural cavities and rare in the spleen and absent in the lymph nodes of adult mice. It has been reported that these cells secret large amounts of IL-10 and this cytokine play a role in the wound healing process. Aim: Investigate the participation of B-1 cells in the wound healing process in mice. Methods: That B-1 cells migrate to the wound was evaluated using immunofluorescence technique. The fluorescence activated cell sorter was used to detect B-1b cells in pleural and peritoneal cavities from BALB/c, BALB/Xid and BALB/Xid adoptively transferred with B-1 cells. The dorsal lesions were made to compare the time of the wound healing process in differs groups. The influence of B-1 cells in the neutrophilic infiltration and the angiogenic process was evaluated by imunohistochemical techniques. Moreover, the kinetics of the inflammation in mice footpads was made to evaluate the role of B-1 cells in the inflammatory phase of tissue repair. The same technique of the dorsal lesion and dorsal lesion footpad were made in IL-10 Knock-out and IL-10 Knock-out adoptively transferred with B-1 cells in order to investigate the participation of IL-10 secreted by B-1 cells in this process. Finally, using fluorescence activated cell sorter secretion of growth factors by B-1 cells was analyzed. Results: B-1 cells migrate to the inflammatory site of the wound healing process. B-1b cells participate in wound healing process and influence the inflammatory phase of this process. Moreover, B-1b cells influence neutrophilic infiltration and the angiogenic process. In addition, B-1 cells modulate the inflammatory phase of tissue repair secreting IL-10, FGF, TGF-β and MCP-1. Conclusion: These data indicate that B-1 cells participate of the inflammatory phase of the wound healing process. Besides, IL-10 secreted by B-1 cells participates of the inflammatory response and confirm that B-1 cells play a role in the wound healing process.

O processo de cicatrização é um fenômeno complexo cujos mecanismos não são totalmente entendidos. Não existem trabalhos que mostram a participação de linfócitos B no reparo tecidual. Entretanto, Almeida et al. (Inter Immunol, 2001) demonstraram que células B-1 proliferam em cultura de células peritoneais aderentes e migram para foco inflamatório não específico diferenciando-se em células semelhantes a fagócitos. Células B-1 diferem de células B convencionais quanto sua localização anatômica, ontogenia, expressão de marcadores de superfície, produção de anticorpos e propriedades de crescimento. Células B-1 estão presentes nas cavidades peritoneais e pleurais, são raras no baço e ausentes nos linfonodos de camundongos adultos. Trabalhos mostraram que células B-1 secretam grandes quantidades de IL-10 e esta citocina tem importante função no processo de cicatrização. Objetivo: Investigar a participação de células B-1 no processo cicatricial do camundongo. Métodos: A migração de células B-1 para o foco da lesão foi avaliada utilizando a técnica de imunofluorescência. A análise por citometria de fluxo foi utilizada para a quantificação de células B-1a e B-1b nas cavidades peritoneais de camundongos BALB/c, BALB/Xid e BALB/Xid transferidos com células B-1. Incisão dorsal foi realizada nos mesmos grupos de animais para comparar o tempo de cicatrização entre os diferentes grupos. A influência de células B-1 na infiltração de neutrófilos e processo de angiogênese foram avaliados pela técnica de imunoistoquímica. Além disso, foi realizada a cinética de inflamação na pata dos camundongos para avaliar o papel de células B-1 na fase inflamatória do reparo tecidual. As mesmas técnicas de incisão dorsal e cinética da inflamação foram realizadas em camundongos Knock-out para IL-10 e Knock-out para IL-10 transferidos com células B-1 para analisar a participação de IL-10 secretada por células B-1 nestes processos. Finalmente, por citometria de fluxo foi avaliada a secreção de fatores de crescimento por células B-1. Resultados: Células B-1 migram para o foco inflamatório do processo de cicatrização, participam deste processo e influenciam a fase inflamatória do reparo tecidual. Além disso, células B- 1 influenciam a infiltração neutrofílica e processo de angiogênese. Ainda, foi mostrado que células B-1 modulam a fase inflamatória do reparo tecidual via IL-10, além de serem células secretoras de FGF, TGF-β e MCP-1. Conclusão: Estes dados comprovam que células B-1 participam da resposta inflamatória e do processo de cicatrização, provavelmente por influenciar na cinética da fase inflamatória via IL-10.
Palavra-chave Células B
Inflamação
Cicatrização
Camundongos endogâmicos BALB C
Interleucina -10
Idioma Português
Data de publicação 2010-04-29
Publicado em OLIVEIRA, Helena da Cruz. Participação de células B-1b noprocesso de cicatrização no camundongo. 2010. Tese (Doutorado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2010.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 72 f.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9912

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-074.pdf
Tamanho: 682.1KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta