Mucosite oral em pacientes portadores de câncer de cabeça e pescoço submetidos à radioterapia e quimioterapia concomitantes.

Mucosite oral em pacientes portadores de câncer de cabeça e pescoço submetidos à radioterapia e quimioterapia concomitantes.

Título alternativo Mucositis in head and neck cancer patients undergoing simultaneous radiotherapy and chemotherapy
Autor Santos, Renata Cristina Schmidt Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Segreto, Helena Regina Comodo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Objectives: Classify the level of oral mucositis according to the international CTC parameters in head and neck tumor patients undergoing simultaneous radio and chemotherapy, and verify in our population whether or not the individual’s habits, tumor characteristics and treatment protocol have a role in the mucositis’ intensity. Methods: Fifty patients were enrolled, 45 male and 5 female; 39 white and 11afro-brazilians; 43 to 72 years old. Concerning to the primary tumor location, 32 patients were diagnosed with oropharynx tumor, 10 with oral cavity tumor, 3 with larynx tumor, 4 presented hipopharynx tumor and 1 with maxilla sinus tumor. Patients undergone megavoltage radiotherapy with doses in a range of 66 to 70Gy and an association of cisplatin and carboplatin chemotherapy concomitantly. Twenty six patients were submitted to previous surgery. All patients were interviewed by a nurse and asked about personal information and habits prior treatment. The level of mucositis was evaluated once a week until the end of the treatment. Results: 16% of patients presented mucositis grade III; 38% grade II; 30% grade I and 16% did not present any mucosa alteration. It was observed that 100% of the diabetic patients presented mucositis grade III. Conclusions: Patient’s characteristics such as age, gender, race, smoking habit and high blood pressure, and clinical characteristics such as primary tumor location and stage of disease did not influence the severity of mucositis. Data showed that diabetes influences significantly the severity of mucositis in head and neck tumor patients undergoing chemo and radiotherapy concomitant.

Objetivos: Classificar o grau de mucosite oral de acordo com os parâmetros internacionais do CTC em pacientes portadores de tumor de cabeça e pescoço submetidos a radioterapia e quimioterapia concomitantes, e caracterizar um perfil dos pacientes em nosso meio, verificando os hábitos dos indivíduos, características do tumor, protocolo de tratamento e a intensidade desta reação aguda. Métodos: Neste estudo foram avaliados 50 pacientes; sendo 45 do sexo masculino e 5 do sexo feminino; 39 da raça branca e 11 da raça negra; com a idade entre 43 e 72 anos. Em relação ao sítio primário, avaliou-se 32 pacientes com tumor em orofaringe, 10 em cavidade oral, 3 em laringe, 4 em hipofaringe e 1 em seio maxilar. Os pacientes foram submetidos a radioterapia em megavoltagem com doses entre 66 a 70Gy e quimioterapia com cisplatina concomitante. Do total, 26 pacientes foram submetidos previamente à cirurgia. Todos foram entrevistados pela enfermeira sobre dados pessoais e hábitos de vida antes do início da radioterapia e quimioterapia; a partir de então, uma vez por semana, foi avaliado o grau de mucosite até completar o tratamento.Resultados: Em relação ao grau de mucosite, 16% dos pacientes apresentaram grau III, 38% grau II, 30% grau I e 16% não apresentam alterações na mucosa. Quando relacionado o grau de mucosite com as características clínicas individuais dos pacientes, da doença e do tratamento, observou-se que 100% dos pacientes diabéticos tiveram o tratamento interrompido por causa da mucosite, o que permitiu verificar significância estatística.Conclusões: As características individuais dos pacientes, idade, sexo, raça, hipertensão e hábito de fumar e as características clínicas associadas à doença como sítio primário e estádio da doença não influenciaram na gravidade da mucosite. Os resultados mostraram que a presença de diabete foi fator significante para a gravidade da mucosite nos pacientes submetidos à radioterapia e quimioterapia concomitante.
Palavra-chave Enfermagem oncológica
Neoplasia de cabeça e pescoço
Radioterapia
Mucosite
Idioma Português
Data de publicação 2009-01-25
Publicado em SANTOS, Renata Cristina Schmidt. Mucosite oral em pacientes portadores de câncer de cabeça e pescoço submetidos à radioterapia e quimioterapia concomitantes. 2009. 59 f. Dissertação (Mestrado em Ciências) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 58 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9829

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-00223.pdf
Tamanho: 1.306MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta