Medida do volume do cerebelo fetal por meio da ultrasonografia tridimensional

Medida do volume do cerebelo fetal por meio da ultrasonografia tridimensional

Título alternativo Measure of fetal cerebellum volume through three-dimensional ultrasonography
Autor Araujo Junior, Edward Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Moron, Antonio Fernandes Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Objective: To construct the age-related reference centiles of fetal cerebellum volume through three-dimensional ultrasonography, to verify its correlation to other fetal growing parameters, and to test the intraobserver variability of the volumetric measures. Methods: A longitudinal prospective study was performed involving 52 normal pregnant women between 20 to 32 weeks. The measurements of fetal cerebellum volume were performed at intervals of two weeks, using the VOCALTM (Virtual Organ Computer-aided Analysis) method with rotation angle of 30o. The age-related reference centiles were established in the interval between 10 and 90 percent for each gestational age studied. It was performed a polynomial regression analyses to obtain the better equation, using gestational age as independent variable and cerebellum volume as dependent variable. In addition, biparietal diameter, transverse diameter of the cerebellum, head circumference, femur length, humerus length, abdominal circumference, and estimation of fetal weight were correlated with the cerebellum volume. To calculate the intraobserver variability it was used the intraclass correlation coefficient (ricc). Results: Fetal cerebellum volume is greatly correlated to gestational age (r= 0.94, p<0.001), and to fetal growing parameters (p<0.001 to all of them). Intraobserver variability was excellent (ricc = 0.996). Conclusions: Fetal cerebellum volume measured through threedimensional ultrasonography seems to be an important parameter for the assessment of fetal growing.

Objetivo: determinar intervalos de referência para o volume do cerebelo fetal por meio da ultra-sonografia tridimensional, verificar a correlação deste com outros parâmetros do crescimento fetal e testar a variabilidade intraobservador das medidas volumétricas. Métodos: realizou-se um estudo prospectivo longitudinal envolvendo 52 gestantes normais entre 20 a 32 semanas. As medidas do volume do cerebelo fetal foram aferidas a intervalos de duas semanas, utilizando-se o método VOCALTM (Virtual Organ Computer-aided Analysis) com ângulo de rotação de 30o. Estabeleceram-se intervalos de referência para o volume do cerebelo fetal entre os percentis 10 e 90 para cada idade gestacional estudada. Realizou-se análise de regressão polinomial para se obter a melhor equação, utilizando-se a idade gestacional como variável independente e volume cerebelar como variável dependente. Em adição, o diâmetro biparietal, diâmetro transverso do cerebelo, circunferência craniana, comprimento do fêmur, comprimento do úmero, circunferência abdominal e estimativa de peso fetal foram correlacionados com o volume cerebelar. Para o cálculo da variabilidade intraobservador, utilizou-se o coeficiente de correlação intraclasse (ricc). Resultados: o volume do cerebelo fetal foi altamente correlacionado com a idade gestacional (r= 0,94, p<0,001) e com os parâmetros do crescimento fetal (p<0,001 para todos). A variabilidade intraobservador foi excelente (ricc = 0,996). Conclusões: o volume do cerebelo fetal aferido por meio da ultra-sonografia tridimensional aparentemente é um parâmetro importante para avaliação do crescimento fetal.
Palavra-chave Feto
Volume do cerebelo
Ultra-sonografia tridimensional
Idioma Português
Data de publicação 2009-12-31
Publicado em ARAUJO JÚNIOR, Edward. Medida do volume do cerebelo fetal por meio da ultrasonografia tridimensional. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 60 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9810

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Restrito-0152.pdf
Tamanho: 626.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta