Medida do tempo de reação à apresentação de estímulos elétricos senoidais de 5, 250 e 2000 Hz

Medida do tempo de reação à apresentação de estímulos elétricos senoidais de 5, 250 e 2000 Hz

Título alternativo Current perception threshold: reaction times to 5, 250 and 2000 Hz sinusoidal electrical stimulation
Autor Felix, Evandro Penteado Villar Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Manzano, Gilberto Mastrocola Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Objective: to measure reaction times (RT) to different frequencies of electrical sinusoidal current stimulation. Methods: RTs were measured from 20 healthy volunteers (7 men). Electrical sinusoidal currents of 5, 250 and 2000 Hz at 1.1 sensory thresholds (ST) and also at 2ST for 5 Hz, were applied to the left index finger; responses were measure through the EMG responses of the right indicis proprius muscle. Results: The mean RT (range) obtained from fastest responses were significantly different, 0.57 (0.16 to 1.60) s, 0.34 (0.12 to 0.71) s and 0.22 (0.08 to 0.35) s, for responses to 5, 250 and 2000 Hz respectively and for 5 Hz at 2ST 0.22 (0.11 to 0.34) s. Conclusion: At. 1.1ST the RT elicited by sinusoidal electrical currents at different frequencies are mediated by different spectrum of fibers suggesting that 2000 Hz stimulates Aâ fibers, 250 Hz Aâ or Aä fibers, 5 Hz Aâ, Aä or C fibers and 5 Hz at 2ST stimulates Aâ fibers. Significance: Different frequencies of stimulation may activate different fibers: 2000 Hz (1.1ST) and 5 Hz (2ST) Aâ fibers, 250 Hz (1.1ST) Aâ or Aä fibers and 5 Hz (1.1ST) Aâ, Aä or C fibers. What fiber is initially stimulated by the lower frequencies depended on the subject studied. Key words: sensations, electrical stimulation, current perceptions threshold (CPT)

Objetivo: diferenciar qual tipo de fibra nervosa esta sendo estimulada por correntes eletricas senoidais com frequencias de 5, 250 e 2000 Hz atraves da mensuracao do tempo de reacao (TR). Metodos: TRs foram medidos em 20 individuos voluntarios saudaveis (7 homens). Correntes eletricas senoidais de 5, 250 e 2000 Hz a 1,1 vezes o limiar de percepcao de corrente eletrica (LS) e tambem a 2,0LS para 5 Hz, obtidos atraves dos metodos de limites e de escolha forcada, foram aplicados no dedo indicador esquerdo; respostas foram medidas atraves do registro eletromiografico (EMG) no musculo extensor proprio do indicador direito. Resultados: os TRs medios obtidos das respostas mais rapidas foram significativamente diferentes, 0,57 (0,16 a 1,60), 0,34 (0,12 a 0,71) e 0,22 (0,08 a 0,35) segundos, para respostas a 5, 250 e 2000 Hz respectivamente, e para 5 Hz a 2,0LS foi de 0,22 (0,11 a 0,34) segundos. Conclusao: a 1,1LS os TRs obtidos por correntes eletricas senoidais em diferentes frequencias sao mediadas por diferentes espectros de fibras, sugerindo que 2000 Hz estimula fibras AƒÀ, 250 Hz fibras AƒÀ ou AƒÂ, 5 Hz AƒÀ, AƒÂ ou C, e 5 Hz 2,0LS estimula fibras AƒÀ. Significancia: diferentes frequencias de estimulacao podem ativar diferentes fibras: 2000 Hz (1,1LS) e 5 Hz (2,0LS) fibras AƒÀ, 250 Hz (1,1LS) fibras AƒÀ ou AƒÂ e 5 Hz (1,1LS) fibras AƒÀ, AƒÂ ou C. Qual fibra e inicialmente estimulada por frequencias baixas dependem do individuo avaliado.
Palavra-chave Fibras nervosas
Limiar sensorial
Tempo de reação
Estimulação elétrica
Idioma Português
Data de publicação 2009-05-27
Publicado em FELIX, Evandro Penteado Villar. Medida do Tempo de Reação à apresentação de estímulos elétricos senoidais de 5, 250 e 2000 Hz. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 75 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9809

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Retido-00189.pdf
Tamanho: 975.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta