Lavagem articular em osteoartrite de joelhos: um estudo controlado randomizado duplo-cego

Lavagem articular em osteoartrite de joelhos: um estudo controlado randomizado duplo-cego

Título alternativo Joint lavage in knee osteoarthritis: a randomized double-blind controlled study
Autor Parmigiani, Leandro Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Natour, Jamil Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Objective: Compare the medium-term effectiveness and tolerance intraarticular injection (IAI) with triamcinolone hexacetonide (TH) associated to joint lavage versus IAI with TH alone in patients with primary osteoarthritis (OA) of the knee. Methods: A randomized, double-blind, controlled study was carried out on 60 patients with primary OA of the knee, with pain in at least one of the knees and Grades II and III on the Kellgren-Lawrence index (KL II and III). Patients were randomized into two intervention groups: JL/TH Group – patients submitted to joint lavage with 0.9% saline solution (1000 ml) followed by a 60-mg injection of TH (3 ml); and TH Group – patients submitted to simulated joint lavage (sham) followed by a 60-mg injection of TH (3 ml). Patients were followed up for 12 weeks by a blinded observer using: visual analogue scale (VAS) for pain at rest and on movement; range of movement; Womac index; Lequesne’s questionnaire; timed 50-foot walk; subjective perception of improvement; Likert scale (0-5) for improvement assessment; the need for non-hormonal anti-inflammatory medication and analgesics; the local side effects. Results: Average age was 63.7 (± 8.59) years; mean duration of disease was 5.69 (± 5.01) years; the KL II/III proportion was 33/27; 88.3% were women and 48.3% were Caucasian. Although both groups demonstrated statistically significant improvement in the intra-group evaluation (except for Likert improvement scale according to the patient and the use of anti-inflammatory drugs), there were no statistically significant differences in the inter-group analysis for any of the variables studied over the 12-week period. In the KL II and III sub-analysis, there was a statistically significant difference regarding joint flexion among patients classified as KL II, favoring the TH group (p=0.03). For the KL III patients there were statistically significant differences favoring the JL/TH group regarding Lequesne score (p=0.021), WOMAC-pain score (p=0.01) and Likert improvement scale according to the patient (p=0.028) and the physician (p=0.034) at eight weeks. Conclusion: The combination of joint lavage and IAI with TH was more effective than IAI with TH alone in the treatment of primary OA of the knee in KL 3 patients.

Objetivo: Comparar efetividade e tolerância, a médio prazo, entre lavagem articular associada à infiltração intra-articular (IIA) com hexacetonide de triancinolona (HT) versus a IIA isolada de HT em pacientes com osteoartrite (OA) primária de joelhos. Material e Métodos: Foi realizado um estudo controlado, randomizado, duplo-cego com 60 pacientes que apresentavam OA primária de joelhos com dor em pelo menos um dos joelhos e índice de Kellgren Lawrence (KL) II e III divididos em dois grupos de intervenção: Grupo LA/HT: submetidos à LA com SF 0,9% (1000ml), finalizada pela introdução de HT 60 mg; Grupo HT: submetidos apenas à simulação de LA finalizada pela IIA de HT 60 mg. Os pacientes foram avaliados durante 12 semanas em cinco tempos de avaliação (T0, T1, T4, T8 e T12 semanas) por um avaliador “cego” através dos seguintes instrumentos de avaliação: escala visual analógica (EVA) para dor em repouso e ao movimento, goniometria, índice de WOMAC, questionário funcional de Lequesne, tempo de caminhada de 50 pés, porcentagem subjetiva de melhora, escala visual analógica de melhora (EVAM), segundo o paciente e segundo o avaliador, necessidade de anti-inflamatórios e analgésicos, número e tipo de efeitos colaterais locais. Foi realizada subanálise estatística na amostra segundo a classificação radiológica (KL II e KL III). Foi considerada uma significância estatística de 5%. Resultados: A média de idade foi de 63,7 (±8,59) anos, média de tempo de doença de 5,69 (±5,01) anos, proporção KL II/III de 33/27, sendo 88,3% de mulheres e 48,3.% de brancos. Apesar de ambos os grupos melhorarem estatisticamente na avaliação intragrupo, exceto para consumo de anti-inflamatório e EVAM, segundo o paciente, não houve diferença estatística na avaliação intergrupo para todas as variáveis estudadas no período de 12 semanas. De acordo com a subanálise realizada, observou-se, nos pacientes KL II, diferença estatística significante a favor do grupo HT para a variável flexão articular (p=0,03) no T4. Para os pacientes KL III, observou-se diferença estatística significante a favor do grupo LA/HT para as variáveis Lequesne (p=0,021) e WOMAC dor (p=0,01), assim como para a variável EVAM, segundo paciente (p=0,028) e avaliador (p=0,034) no T8. Conclusão: A combinação de LA à IIA com HT se mostrou mais efetiva a médio prazo que a IIA isolada com HT para o tratamento da OA primária de joelhos em pacientes KL III. Não houve diferença estatística quanto a tolerância destas duas intervenções.
Palavra-chave Corticosteroides
Infiltração
Injeções intra-articulares
Irrigação
Joelho
Triancinolona
Osteoartrite
Osteoarthritis
Adrenal cortex hormones
Seepage
Injections, intra-articular
Knee
Triamcinolone
Idioma Português
Data de publicação 2009-11-26
Publicado em PARMIGIANI, Leandro. Lavagem articular em osteoartrite de joelhos: um estudo controlado randomizado duplo-cego. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 117 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9780

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Retido-141.pdf
Tamanho: 774.5KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta