Análise morfológica e funcional do coração de ratos submetidos ao modelo de Epilepsia induzida pela Pilocarpina

Análise morfológica e funcional do coração de ratos submetidos ao modelo de Epilepsia induzida pela Pilocarpina

Título alternativo Functional and morphological analysis of hearts of rats submitted to the Pilocarpine model of Epilepsy
Autor Colugnati, Diego Basile Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Scorza, Fulvio Alexandre Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Neurologia/Neurociências - São Paulo
Resumo Epilepsy is one of the most common neurologic problems worldwide. Approximately 3 percent of persons in the general population will have epilepsy at some point in their lives. Unfortunately, individuals with epilepsy are at higher risk of death than the general population and SUDEP is the most important direct epilepsy-related cause of death. SUDEP is responsible for 7.5% to 17% of all deaths in epilepsy and has an incidence among adults between 1:500 and 1:1,000 patient-years. A number of associated factors for SUDEP have been reported but the results are not wholly consistent between studies. These include refractoriness of the epilepsy, presence of generalized tonic-clonic seizures, polytherapy with antiepileptic drugs, young age, duration of the seizure disorder ranging from 15 to 20 years, early onset of epilepsy and winter temperatures. Additionally, potential pathomechanisms for SUDEP are unknown, but it is very probable that cardiac arrhythmia due to myocardial ischemia play a potential role. Based on this factor, we evaluated the cardiac function and morphology of rats during the three evolution periods (acute, silent and chronic) of the pilocarpine model of temporal lobe epilepsy. From functional point of view, we analyzed the electrocardiogram and the autonomic heart modulation. For that, both autonomic modulation and electrocardiogram were verified without, before seizure and during seizure. It is important to note that all analyses were compared to the age-matched control group. During seizure period, our results showed an intense cardiac rhythm alteration due an important influence of parasympathetic nervous system. On the other hand, in the seizure free period, we found a large sympathetic activity in the rats with chronic epilepsy in relation to the control group. From a morphological point of view, we found specific histological features in the rats with epilepsy, such as necrosis and mitochondrial proliferation. On the whole, our results suggest that chronic epilepsy condition lead to alterations on both autonomic modulation and cardiac morphology that may contribute to the higher risk of sudden unexpected death in epilepsy.

A epilepsia é um dos problemas neurológicos mais comuns. Aproximadamente 3% da população geral terão epilepsia em alguma época de suas vidas. Infelizmente, indivíduos com epilepsia tem um maior risco de morte em relação à população geral e a morte súbita e inesperada em epilepsia (SUDEP) é considerada a mais importante cauda de morte diretamente relacionada à epilepsia, sendo responsável por 7,5% a 17% de todas as mortes em epilepsia, apresentando uma incidência, entre adultos, de 1 :500 a 1 :1000 pacientes/ano. Têm sido relatado alguns fatores de risco relacionados à SUDEP, dentre eles estão a refratariedade, presença de crises tônico-clônicas generalizadas, politerapia com drogas antiepilépticas, idade jovem, duração da epilepsia, início precoce da epilepsia e baixas temperaturas. Além disso, os mecanismos patofisiológicos para a SUDEP ainda não desconhecidos, mas é muito provável que arritmias cardíacas devido à isquemia miocárdica exerçam um papel importante. Baseado nisto, o trabalho objetivou avaliar a função e morfologia cardíacas de ratos durante as três fases do modelo de epilepsia do lobo temporal induzida por pilocarpina. Do ponto de vista funcional, foram analisados o eletrocardiograma e a modulação autonômica cardíaca ; para isso, estas variáveis foram verificadas na ausência da crise, antes e durante a mesma. É importante lembrar que todas as análises foram comparadas ao respectivo grupo controle pareado pela idade. Durante o período de crise, nossos resultados mostram uma alteração bastante intensa de ritmo cardíaco devido à importante influência do sistema nervoso parassimpático. Por outro lado, nos períodos livres de crise encontramos uma maior atividade simpática nos animais com epilepsia crônica em relação aos animais do grupo controle. Do ponto de vista morfológico, encontramos características histológicas específicas nos ratos com epilepsia, tais como necrose e proliferação mitocondrial. Desta forma, nossos resultados sugerem que a condição de epilepsia crônica leva a alterações de modulação autonômica e de morfologia cardíaca que podem contribuir para o aumento de risco de SUDEP.
Palavra-chave Epilepsia
Pilocarpina
Coração
Morte súbita
Frequência cardíaca/fisiologia
Idioma Português
Financiador Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Data de publicação 2009-03-25
Publicado em COLUGNATI, Diego Basile. Análise Morfológica e Funcional do Coração de Ratos Submetidos ao Modelo de Epilepsia Induzida pela Pilocarpina. 2009. 92 f. Tese (Doutorado em Ciências) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 92 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9668

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-183.pdf
Tamanho: 873.0KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta