Expressão gênica da prolactina, do receptor de prolactina e das hialuronam síntases e a imunoistoquímica do ácido hialurônico e do receptor CD44 em úteros de camundongos fêmeas com hiperprolactinemia induzida pela metoclopramida, durante as fases do ciclo estral

Expressão gênica da prolactina, do receptor de prolactina e das hialuronam síntases e a imunoistoquímica do ácido hialurônico e do receptor CD44 em úteros de camundongos fêmeas com hiperprolactinemia induzida pela metoclopramida, durante as fases do ciclo estral

Título alternativo Gene expression of the prolactin, of the prolactin receptor and of the hyaluronan synthases and immunohistochemistry of the hyaluronic acid and of the CD44 receptor in uterus of female mice with metoclopramide-induced hyperprolactinemia throughout the estrous cycle
Autor Gomes, Regina Célia Teixeira Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Simões, Manuel de Jesus Autor UNIFESP Google Scholar
Soares Júnior, José Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: To evaluate the gene expression of prolactin, prolactin receptor and hialuronan sintase and immunohistochemistry of hyaluronic acid and CD44 in the uterus of female mice with metoclopramide-induced hyperprolactinemia throughout the estrous cycle. METHODS: 80 adult (100 days old) female virgin mice were randomly divided into two groups of 40 animals each: control (Ctr), which received intraperitoeneal (IP) 0.2 ml of saline solution, and so labeled hyperprolactinemic (HPrl), which received IP 6,7 ìg/day metoclopramide. After 50 days the animals were properly randomly divided into 8 groups of 10 animals, according to the phase of the cycle: proestrus (Ctr and HPrl), estrus (Ctr and HPrl), metaestrus (Ctr and HPrl) and diestrus (Ctr and HPrl). Under deep anesthesia, a part of the middle portions of the uterine horns were removed for detection of genes by PCR Real Time methods. Another part was fixed in 10% formol for immunohistochemical evaluation of HA, HAS1, 2 e 3 distribution and CD44. The results were submitted statistical analysis. RESULTS: Comparing the experimental group with the control group results were compared immunohistochemistry: hyaluronic acid (HA), the hyaluronic acid receptor (CD44) and hyaluronic synthases (HAS): hyaluronic acid’s immunopositivity in the extracellular matrix was higher in the estrus phase and decreased in metaestrus phase and increased the number of cells immunopositive for CD44 receptor during proestrus phase, metaestrus phase and diestrus phase. Also, increased the number of cells immunopositive for hyaluronic synthases HAS1 and HAS2 in proestrus phase, estrus phase and metaestrus phase. And decreased Has3 in proestrus phase and increased during estrus and metaestrus phase. The decreased gene expression of prolactin in proestrus phase and increased in diestrus phase. And the gene expression of prolactin receptor decreased during the proestrus and metaestrus phase and increased during estrus phase. Gene expression of the hyaluronic synthesis Has1 showed increased in proestrus phase and estrus phase. The gene expression of the Has2 has3 was low. Conclusion: Our data suggest that metoclopramide-induced hyperprolactinemia promotes structural and molecular changes in the uterus of female mice.

Objetivo: Nosso proposito foi avaliar a expressao genica da prolactina, do receptor de prolactina e das hialuronam sintases e a imunoistoquimica do acido hialuronico e do receptor CD44 em uteros de camundongos femea com hiperprolactinemia induzida pela metoclopramida, durante as fases do ciclo estral. Materiais e Metodos: 80 camundongos femea, adultos e virgens com 100 dias de idade com 30g, divididos aleatoriamente em dois grupos com 40 animais cada submetidos as injecoes diarias por 50 dias consecutivos, via subcutanea, a saber: controle Ctr (0,2 ml de solucao salina) e experimental HPrl (6.7 ƒÊg/g metoclopramida dissolvida em 0,2 ml de solucao salina). No 50o dia, apos analise do esfregaco vaginal para comprovacao das fases do ciclo estral os animais foram separados segundo as fases do ciclo estral (10 animais/fase): proestro (Ctr) e (HPrl), estro (Ctr) e (HPrl), metaestro (Ctr) e (HPrl) e diestro (Ctr) e (HPrl) e apos eutanasia foram retirados os cornos uterinos de cada animal, os quais foram divididos em 2 fragmentos. O primeiro fragmento uterino foi fixado por 24 hs em formaldeido a 10% (tampao PBS, pH 7,4) e em seguida submetidos ao processamento histologico para imunoistoquimica. E o segundo fragmento foi conservado a -80 oC para posterior extracao do RNA para analise da expressao genica pela tecnica da reacao em cadeia de polimerase em tempo real (PCR . Real Time). Os resultados foram submetidos as analises estatisticas. Resultados: Comparando-se o grupo experimental com o grupo controle os resultados obtidos foram, em relacao a imunoistoquimica: do acido hialuronico (AH), do receptor do acido hialuronico (CD44) e das hialuronam sintases (HAS): a imunopositividade na matriz extracelular uterina para o acido hialuronico foi mais elevada nas fases de estro e diminuída em metaestro. Aumentou o número de células imunopositivas para o receptor CD44 na fase proestro, na fase de metaestro e na fase diestro. Também, aumentou o número de células imunopositivas para hialuronam sintases HAS1 e HAS2 na fase de proestro, na fase de estro e na fase de metaestro. Já a HAS3 diminuiu na fase de proestro e aumentou na fase de estro e na fase de metaestro. A expressão gênica da prolactina diminuiu na fase de proestro e aumentou na fase de diestro. E a expressão gênica do receptor de prolactina diminuiu na fase de proestro e na fase de metaestro e aumento na fase de estro. E a expressão gênica das hialuronam sínteses aumentou Has1 na fase de proestro e na fase de estro. Já a expressão gênica das Has2 e Has3 mostrou-se baixa. Conclusão: Nossos dados sugerem que a hiperprolactinemia induzida pela metoclopramida promove alterações estruturais e moleculares em úteros de camundongos fêmea.
Palavra-chave Uterus
CD44
Ciclo estral
Estrous cycle
Hialuronam sintases
Hiperprolactinemia
Hyaluronan synthases
Prolactin
Prolactin receptor
Receptor da prolactina
Ácido hialurônico
Hyperprolactinemia
Prolactina
Útero
CD44
Hyaluronic acid
Idioma Português
Data de publicação 2011-04-27
Publicado em GOMES, Regina Célia Teixeira. Expressão gênica da prolactina, do receptor de prolactina e das hialuronam sintases e a imunoistoquímica do ácido hialurônico e do receptor CD44 em úteros de camundongos fêmeas com hiperprolactinemia induzida pela metoclopramida, durante as fases do ciclo estral. 2011. Tese (Doutorado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2011.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 143 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9623

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Retido-12652a.pdf
Tamanho: 2.041MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Retido-12652b.pdf
Tamanho: 1.829MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Retido-12652c.pdf
Tamanho: 1.298MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Retido-12652d.pdf
Tamanho: 1.765MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta