Estudo da expressão dos auto-antígenos SS-A/Ro (polipeptídeos 52kda e 60kda) e SS-B/La (polipeptídeo 48kda) e de seus RNAs mensageiros em glândulas salivares menores de pacientes com síndrome de Sjögren

Estudo da expressão dos auto-antígenos SS-A/Ro (polipeptídeos 52kda e 60kda) e SS-B/La (polipeptídeo 48kda) e de seus RNAs mensageiros em glândulas salivares menores de pacientes com síndrome de Sjögren

Título alternativo SS-A/Ro (52kDa and 60kDa) and SS-B/La protein and mRNA expression in minor salivary glands from patients with Sjögren’s syndrome
Autor Silveira, Karin Spat Albino Barcellos Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Andrade, Luiz Eduardo Coelho Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Purpose: The strong association between primary Sjögren syndrome (pSS) and autoantibodies to SS-A/Ro (52kDa and 60kDa) and SS-B/La may be indicative of a possible role for these autoantigens in the pathophysiology of the disease. The present study aimed to analyze protein and mRNA expression of SS-A/Ro and SS-B/La antigens in a preferential tissue target of pSS, i.e., minor salivary glands (MSGs). Methods: SS-A/Ro (60kDa & 52kDa) and SS-B/La protein expression was studied by immunohistochemistry in MSG samples of 26 pSS patients and 16 control subjects. Analysis was carried out by two independent blinded observers according to the topography and intensity (semiquantitative score) of the staining. Total RNA extracted from MSG samples of 10 pSS patients and 7 control subjects was submitted to reverse transcription and quantified by Real Time PCR with primers specific to SS-A/Ro (60kDa & 52kDa) and SS-B/La cDNA. Samples were normalized by ß-actin and GAPDH mRNA expression. Relative mRNA expression (2-ΔΔCT) was compared between pSS patients and control subjects. Results: In general the semiquantitative protein expression for the three autoantigens did not differ among pSS patients and control subjects, and was more prominent in the cytoplasm as compared to the nucleus in all cell types. However, SS-B/La protein had higher expression in the cytoplasm of ductal cells than in the cytoplasm of mucous acinar cells in pSS patients (p=0.013), while no significant difference was detected in the control group (p=0.704). SS-A/Ro 60kDa protein had higher expression in the cytoplasm of ductal cells than in the cytoplasm of serous acinar cells of pSS patients (p=0.006) but the same was not observed for controls (p=0.156). SS-A/Ro 52kDa protein topographic expression pattern was the same in patients and controls. SS-B/La mRNA expression was higher in samples from pSS patients (5.326±5.107) than in controls (0.856±1.255) (p=0.0311). The same was true for SS-A/Ro 60kDa mRNA expression (6.866±7.868 vs 1.045±1.329; p=0.0330). On the other hand, SS-A/Ro 52kDa mRNA expression showed a modest trend for higher expression in samples from pSS patients but the difference did not reach statistical significance (5.616±4.885 vs 2.648±4.223; p=0.0879). Samples with the highest histological inflammation score at MSG showed decreased expression of SS-A/Ro 60kDa, SS-A/Ro 52kDa and SS-B/La mRNAs. Conclusions: The increased SS-A/Ro 60kDa and SS-B/La mRNA expression in MSGs of pSS patients as well as the differential SS-A/Ro 60kDa and SS-B/La protein expression in ductal cells of MSGs in pSS patients suggest that these antigens are probably involved in triggering and maintaining the tissue-specific autoimmune response in pSS MSGs. The observed differential expression may contribute to the antigen-driven immune response and local autoantibody production in pSS.

Objetivo: A forte associação entre a síndrome de Sjögren primária (pSSj) e os auto-anticorpos anti-SS-A/Ro e anti-SS-B/La talvez indique um possível papel desses auto-antígenos na patogênese da doença. O presente estudo pretendeu analisar a expressão dos antígenos SS-A/Ro (60kDa e 52kDa) e SS-B/La e dos seus mRNAs no alvo preferencial da pSSj, as glândulas salivares menores (GSMs). Métodos: A expressão das proteínas SS-A/Ro (60kDa e 52kDa) e SS-B/La foi estudada por imuno-histoquímica em amostras de GSM de 26 pacientes pSSj e de 16 controles. A análise foi realizada por dois observadores “cegos” de acordo com a topografia e intensidade de marcação (análise semiquantitativa). O RNA total extraído de amostras de GSM de 10 pacientes pSSj e de 7 controles foi submetido à transcrição reversa e quantificado por PCR em tempo real com primers específicos para os cDNAs correspondentes às proteínas SS-A/Ro (60kDa e 52kDa) e SS-B/La. As amostras foram normalizadas pela expressão da ß–actina e do GAPDH. A expressão relativa do mRNA (2-ΔΔCT) foi comparada entre os pacientes pSSj e o grupo controle. Resultados: Em geral a expressão semiquantitativa protéica dos três auto-antígenos não apresentou diferenças entre os pacientes SSj e o grupo controle, sendo mais proeminente no citoplasma do que no núcleo em todos os tipos celulares. Entretanto, a proteína SS-B/La apresentou maior expressão em citoplasma de células ductais do que em citoplasma de células acinares mucosas nos pacientes pSSj (p=0,013), enquanto no grupo controle não foi observada diferença significante (p=0,704). A proteína SS-A/Ro 60kDa apresentou maior expressão em citoplasma de células ductais do que em citoplasma de células de ácinos serosos nos pacientes pSSj (p=0,006), mas o mesmo não foi observado nos controles (p=0,156). O padrão de expressão da proteína SS-A/Ro 52kDa foi o mesmo nos pacientes e nos controles. A expressão do mRNA correspondente ao gene SS-B/La foi maior nas amostras dos pacientes pSSj (5,326±5,107) em relação aos controles (0,856±1,255) (p=0,0311). O mesmo ocorreu para o mRNA correspondente ao gene SS-A/Ro 60kDa (6,866±7,868 vs 1,045±1,329; p=0,0330). Por outro lado, a expressão do SS-A/Ro 52kDa mRNA mostrou uma leve tendência a maior expressão nos pacientes pSSj, mas esta diferença não atingiu significância estatística (5,616±4,885 vs 2,648±4,223; p=0,0879). As amostras de GSM com maior grau de infiltrado inflamatório apresentaram expressão diminuída dos mRNAs correspondentes aos genes SS-B/La, SS-A/Ro 60kDa e 52kDa. Conclusões: A expressão aumentada dos mRNAs que codificam os antígenos SS-A/Ro 60kDa e SS-B/La em GSMs de pacientes pSSj, assim como a expressão diferencial das proteínas SS-A/Ro 60kDa e SS-B/La nas células ductais das GSMs dos pacientes pSSj, sugerem que esses auto-antígenos estejam, provavelmente, envolvidos no desencadeamento e manutenção da resposta auto-imune tecido específica nas GSMs dos pacientes pSSj. A expressão diferencial observada talvez contribua para a resposta imunológica dirigida ao antígeno e para a produção local de auto-anticorpos na pSSj.
Palavra-chave Sjogren's Syndrome
Salivary Glands, Minor
Síndrome de Sjögren
Glândulas Salivares Menores
Autoantígenos
Autoanticorpos
SS-A/Ro
SS-B/La
Autoantigens
Autoantibodies
Idioma Português
Data de publicação 2006-12-31
Publicado em SILVEIRA, Karin Spat Albino Barcellos. Estudo da expressão dos auto-antígenos SS-A/Ro (polipeptídeos 52kda e 60kda) e SS-B/La (polipeptídeo 48kda) e de seus RNAs mensageiros em glândulas salivares menores de pacientes com síndrome de Sjögren. 2006. Tese (Doutorado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2006.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 162 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9521

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Restrito-0154a.pdf
Tamanho: 1.312MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Restrito-0154b.pdf
Tamanho: 1.841MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Restrito-0154c.pdf
Tamanho: 1.500MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Restrito-0154d.pdf
Tamanho: 825.3KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta