Efeitos do ICI 182,780 na expressão de receptores de andrógeno e estrógeno em próstata ventral de ratos

Efeitos do ICI 182,780 na expressão de receptores de andrógeno e estrógeno em próstata ventral de ratos

Título alternativo Effects of ICI 182,780 on expression of androgen receptors and estrogen receptors in ventral prostate rats
Autor Fernandes, Sheilla Alessandra Ferreira Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Porto, Catarina Segreti Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo O papel dos andrógenos na próstata está bem estabelecido na literatura. Recentemente, usando diferentes modelos experimentais, foi possível mostrar que os estrógenos têm um papel no desenvolvimento e na função da próstata. Assim, o presente estudo foi proposto com o objetivo de ampliar os conhecimentos sobre as ações dos estrógenos na próstata ventral de ratos, analisando o efeito do tratamento com o antiestrógeno ICI 182,780 na expressão - RNA mensageiro e proteína - de receptores de andrógenos (AR) e estrógenos (ERα, ERβ e GPR30) e na expressão e na fosforilação das proteínas ERK1 e ERK2. Os perfis hormonais de ratos machos com 30 dias de idade (idade do início do tratamento), controle e tratados com ICI 182,780 foram previamente determinados em nosso laboratório. Com a maturação sexual houve um aumento significativo do peso corporal dos animais e dos níveis de testosterona e 17β-estradiol plasmáticos. No presente estudo foi mostrado um aumento do peso relativo da próstata ventral. O tratamento de ratos machos com o antiestrógeno ICI 182,780 não interferiu no ganho de peso dos animais e não alterou os níveis de testosterona e 17β-estradiol plasmáticos, como previamente demonstrado. No presente estudo, o peso relativo da próstata ventral não foi alterado, mas houve um aumento de 2,4 vezes do conteúdo de testosterona presente neste tecido, sugerindo um aumento na captação do andrógeno e/ou alteração na síntese da testosterona e/ou de seu metabolismo. Os efeitos da maturação sexual e do tratamento com o ICI 182,780 dos ratos machos na expressão de AR, ERs e GPR30 foram avaliados usando PCR em tempo real (RNA mensageiro) e Western blot (proteína) em próstata ventral de ratos. A maturação sexual ou o tratamento com ICI 182,780 não alterou o RNA mensageiro para o AR na próstata ventral de ratos, mas houve uma diminuição da expressão protéica em ambos os grupos experimentais, sugerindo que mecanismos regulatórios estão envolvidos sobre a tradução da proteína, processamento pós- tradução ou estabilidade do AR. O aumento do conteúdo de andrógeno observado na próstata ventral de ambos os modelos experimentais pode não contribuir para a regulação da expressão do AR na próstata ventral. Porém, o aumento da concentração de compostos estrogênicos com a maturação sexual poderia estar envolvido neste processo. Além disso, o tratamento com o ICI 182,780 diretamente regulou a expressão do AR na próstata ventral. Levando em consideração os resultados da literatura e do presente estudo, é possível sugerir que os efeitos do 17β-estradiol e do ICI 182,780 na regulação da expressão do AR poderiam ser mediados pela interação do ERα e/ou ERβ com o fator de transcrição AP-1. Estudos da literatura mostraram que o 17β-estradiol induziu down-regulation da expressão do AR por um mecanismo independente de ERα e ERβ. Além disso, o ICI 182,780 pode interagir com o GPR30 e ativar diferentes cascatas de sinalização intracelular que convergem para ações genômicas. Assim, foi analisado o RNA mensageiro para este receptor em próstata ventral. A maturação sexual induziu uma diminuição do RNA mensageiro para o GPR30 na próstata ventral. Porém, este transcrito não foi alterado pelo tratamento com o ICI 182,780. Se este receptor está envolvido na regulação do AR precisa ser explorado. É importante enfatizar que a diminuição da expressão do AR tanto pela maturação sexual como pelo tratamento com o ICI 182,780 pode ter consequências funcionais importantes nos efeitos mediados por este receptor na próstata ventral. A participação de cada receptor de estrógeno e dos mecanismos envolvidos nesta regulação ainda precisam ser melhores explorados. A maturação sexual induziu uma diminuição do RNA mensageiro para o ERα na próstata ventral. Porém, o tratamento com o ICI 182,780 não alterou a expressão deste transcrito, mas a expressão protéica foi aumentada em ambos os modelos experimentais, sugerindo que a up-regulation da expressão do ERα ocorre ao nível pós-transcricional. Esses resultados, em conjunto com os da literatura, indicam que a regulação da expressão do ERα por 17β-estradiol ou ICI 182,780 é complexa. Além disso, depende do tecido analisado e na próstata poderia envolver o complexo ERα- AP-1. Se o complexo testosterona-AR tem um papel na regulação da expressão da expressão do ERα na próstata ainda precisa ser explorado. A expressão do ERβ (RNA e proteína) não alterou com a maturação sexual ou com o tratamento com o ICI 182,780. Levando em consideração os resultados da literatura e do presente estudo, é possível sugerir um balanço entre o efeito positivo do andrógeno-AR e estrógeno-ERβ-AP1 e negativo do estrógeno-ERα-AP-1 na regulação do ERβ em próstata ventral.
Palavra-chave Antiestrógeno
Moduladores de receptor estrogênico
ICI 182,780
Receptor de andrógeno
Receptores de estrógeno
Próstata ventral
Idioma Português
Data de publicação 2009-06-24
Publicado em FERNANDES, Sheilla Alessandra Ferreira. Efeitos do ICI 182,780 na expressão de receptores de andrógeno e estrógeno em próstata ventral de ratos. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 108 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9423

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Retido-00190.pdf
Tamanho: 1.324MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta