Efeito do exercício de força sobre a adiposidade periférica e visceral, perfil lipídico, glicídico e hormonal em adolescentes obesos

Efeito do exercício de força sobre a adiposidade periférica e visceral, perfil lipídico, glicídico e hormonal em adolescentes obesos

Título alternativo Effect of strength exercise in periferic and visceral adiposity, lipidic, glicidic and hormonal profile in obese adolescents
Autor Stella, Sérgio Garcia Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Mello, Marco Tulio de Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Objective: Verify the possible changes promote by strength exercise to visceral and periferic adipose tissue, lipidic profile, glucose and hormonal aswers, after twelvy weeks of intervention, in obese adolescents Methods: was select 126 adolescents, both genders, aged between 14and 19 years, and body mass index (BMI) 95 th, distributed in four groups: control (no exercise), leasure activity, aerobic exercise and strength exercise. They performed physical exercise for 12 weeks, 3 sessions each week, with 1hour of duration. Training intensity was not controlled in the leasure activity group, aerobic group training was at intensity corresponding to ventilatory threeshold – I, strength exercise was performed at 70% of 1 Maximun Repetition. Total body fat, subcutaneous fat and lean body mass was assessed by whole-body dual-energy X-ray absormetry scan (DEXA), visceral adipose tissue assessed by ultrassonography. Lipidic profile was measured by calorimetry and hormonals assays by radioimmunoassay. Results: Relation to body composition, after treatment, strength training promoted significant decreased in the BMI, body mass, visceral and subcutaneous fat in boys. Aerobic training promoted same changes in boys and girls. There was lean body mass preservation in both genders in all groups. Aerobic training decreased total cholesterol and LDL – c in both genders. The leasure physical activity reduced the blood levels of glucose and insulin, ass well in HOMA, only in girls. Conclusions: Strength training was the more effective to promote changes in body composition in boys. However to total cholesterol and LDL – c aerobic training is better in both genders.

Objetivo: Verificar as possíveis alterações provocadas pelos exercícios de força sobre a adiposidade periférica e visceral, perfil lipídico, glicídico e respostas hormonais, após doze semanas de intervenção, em adolescentes obesos. Métodos: Foram selecionados 126 adolescentes, de ambos os gêneros, com idade entre 14 e 19 anos, sedentários, e índice de massa corporal (IMC)95th; distribuídas em quatro grupos: controle (sem exercício físico), recreação, exercícios aeróbios e exercícios de força. Realizaram exercícios físicos durante 12 semanas, três sessões semanais com duração de uma hora. O grupo recreação não controlou a intensidade do treinamento, aeróbio treinou na intensidade do Limiar Ventilatório-I, o grupo força treinou a 70% de uma repetição máxima (1RM). A gordura corporal total, subcutânea e massa livre de gordura foram avaliadas por absorciometria de feixe duplo de raios-X (DEXA), a gordura visceral por ultrassonografia. O perfil lipídico pelo método de comparativo calorimétrico e o perfil hormonal por radioimunoinsaio. Resultados: Em relação à composição corporal, após doze semanas de tratamento, o treinamento de força promoveu uma redução significativa no IMC, massa corporal, gordura visceral e subcutânea nos meninos. No grupo aeróbio também observamos uma redução significativa na massa corporal, gordura corporal e subcutânea de meninos e somente gordura corporal em meninas. Houve preservação de massa magra em todos os grupos e gêneros. Quanto ao perfil lipídico, o treinamento aeróbio diminuiu o colesterol total e LDL-c em ambos os gêneros. A atividade de recreação reduziu os níveis plasmáticos de glicose e insulina, bem como o HOMA, somente nas meninas. Conclusões: Após 12 semanas de treinamento os exercícios de força foram mais eficientes em meninos, sobre a composição corporal, enquanto que para colesterou total e LDL-c o exercício aeróbio foi mais eficiente em ambos os gêneros.
Palavra-chave Composição corporal
Dislipidemias
Insulina
leptina
Grelina
Musculação
Hiperlipidemias
Músculos
Body Composition
Dyslipidemias
Insulin
Leptin
Ghrelin
Resistance Training
Hyperlipidemias
Muscles
Idioma Português
Data de publicação 2006-12-31
Publicado em STELLA, Sérgio Garcia. Efeito do exercício de força sobre a adiposidade periférica e visceral, perfil lipídico, glicídico e hormonal em adolescentes obesos. 2006. Tese (Doutorado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2006.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 121 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9370

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-0083.pdf
Tamanho: 515.9KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta