Determinantes de casos de recidiva em hanseníase no Estado de Mato Grosso

Determinantes de casos de recidiva em hanseníase no Estado de Mato Grosso

Título alternativo Determinants of relapse of leprosy cases in the State of Mato Grosso
Autor Ferreira, Silvana Margarida Benevides Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Gamba, Mônica Antar Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Introduction: The State of Mato Grosso is classified as a hyperendemic region in leprosy. The emergence of cases of relapse and, consequently, potential resistance to specific chemotherapeutic medication is seen as one of the causes of ineffective treatment. Objective: To analyze the occurrence of relapse cases diagnosed in specialized units in the State of Mato Grosso in light of individual, clinicallaboratorial, epidemiological, and therapeutic characteristics, as well as aspects of the organization of the respective health services. Method: An epidemiological study developed in two stages, which included

Introdução: O Estado de Mato Grosso situa-se como região hiperendêmica em hanseníase. O surgimento de casos de recidiva e, consequentemente, as possíveis resistências medicamentosas aos quimioterápicos específicos são vistos como uma das causas para ineficácia do tratamento. Objetivo: analisar a ocorrência de casos de recidiva diagnosticados em unidades especializadas do Estado de Mato Grosso quanto às características individuais, clínico-laboratoriais, epidemiológicas, terapêuticas e de organização de serviços. Método: trata-se de estudo epidemiológico desenvolvido em duas etapas, que incluem: análise de 323 registros de casos de recidiva em hanseníase no Sistema Nacional de Agravos de Notificação (SINAN/MT) diagnosticada em unidades básicas de saúde (UBs) e em unidades especializadas (UE), quanto aos aspectos clínico-laboratoriais e distribuição geográfica nos municípios do Estado de Mato Grosso no período de 2004-2006 e de um estudo caso-controle para identificar os fatores associados para a ocorrência de recidiva em hanseníase dos diagnósticos em UE nos municípios de Cáceres, Cuiabá, Diamantino, Rondonópolis e Várzea Grande do Estado, assim como, comparar as proporções das características clínico-laboratoriais durante o tratamento inicial e tratamento de recidiva. As variáveis foram classificadas quanto às características relacionadas ao indivíduo, à doença e ao serviço de saúde. Resultados: Dos casos registrados de hanseníase, no período de estudo, 20% foram registrados nas UE e 80% em UBs; dos casos de recidiva multibacilares, 37% foram diagnosticados com resultado de baciloscopia negativa [χ2 = 12,34 (ρ = 0,002]; 14% dos municípios apresentaram mais de cinco casos de recidiva com percentual entre 6 e 20% de todas as entradas. Verificou-se que os fatores associados à ocorrência de recidiva em hanseníase estão relacionados às condições de moradia: indivíduos com residência alugada (OR ajust = 4,1; IC 95%:1,43-12,04; p = 0,009), residentes em moradia de madeira/taipa (OR ajust = 3,2; IC 95%: 1,16-8,76; p = 0,025) e indivíduos residentes com cinco ou mais pessoas no domicílio (OR ajust = 2,1; IC 95%: 1,03-4,36; p = 0,043); transtorno de uso de álcool (OR ajust = 2,8; IC 95%: 1,17-6,79; p = 0,021); uso de tratamento irregular (ORajust = 3,8; IC 95%: 1,44-10,02; p = 0,007); não orientação sobre doença/tratamento (OR ajust = 2,6; IC 95%: 1,09-6,13; p = 0,032), dificuldade de acesso à unidade de saúde, ocasionada pelo uso de transporte coletivo (OR ajust = 5,5; IC 95%: 2,36-12,63; p = < 0,000), forma clínica (ORajust = 7,1; IC 95%: 2,48-20,52; p = < 0,000) e esquema terapêutico utilizado para o tratamento (ORajust = 3,7; IC 95%: 1,49-9,11; p = 0,005). Conclusão: As entradas de registros de recidiva em Mato Grosso no período de estudo são influenciadas pelo diagnóstico realizado em UBs. Os fatores associados à ocorrência de recidiva ultrapassam as questões relacionadas aos aspectos clínicos representados pela doença. Decorre, também, dos hábitos de vida, das condições socioeconômicas e dos aspectos ligados à organização de serviços de saúde.
Palavra-chave Leprosy
Relapse
Epidemiology
Case-Control Study
Nursing
Hanseníase
Recidiva
Epidemiologia
Estudo Caso-Controle
Enfermagem
Idioma Português
Data de publicação 2010
Publicado em FERREIRA, Silvana Margarida Benevides. Determinantes de casos de recidiva em hanseníase no Estado de Mato Grosso. 2009. Tese (Doutorado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2010.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9327

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-007.pdf
Tamanho: 706.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta