Detecção de Marcadores para Células Germinativas em Ratos Durante a Fase Embrionária: Diferenças e Semelhanças com Camundongos

Detecção de Marcadores para Células Germinativas em Ratos Durante a Fase Embrionária: Diferenças e Semelhanças com Camundongos

Título alternativo Detection of Markers for Germ Cells in Rats during the Embryonic Phase: Differences and Similarities with Mice
Autor Zanetti, Giselly Encinas Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Stumpp, Taiza Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Germ cells are the only cells capable of transmitting genetic information from generation to generation. Germ cell development has been widely studied in different species. Among mammals, the mouse is the model used in the majority of the studies on Primordial Germ Cell (PGC) differentiation, sex-determination and genetics. The results obtained in the present study show that the rat is also a very important model for studies about germ cell development. For this study, PGC, gonocyte and Sertoli cell markers were used such as: GCNA1, MVH, SSEA1 and OCT4 to germ cells and GATA4 to Sertoli cells. The choice of theses markers was based in the studies performed with mice, once there is not enough available information about the expression of germ cell markers in the rat during the embryonic phase. The presence these markers was investigated through immunofluorescence and immunohistochemistry. The results showed that SSEA1, GCNA1 and MVH proteins show very distinct labeling pattern in mice and rats. SSEA1 and GCNA1 proteins were undetectable in the PGC. However MVH was detected in migrating PGC and in those that had already colonized the gonad. A similar labeling pattern was also observed in humans, suggesting some degree of similarity between these two species. The transcription factor OCT4 showed similar labeling to that described in mice. However, we observed that OCT4 is not detected in germ cells from dos 19dpc on. The results obtained in this study are of extreme relevance, since important differences between the rats and mice germ cells were shown. These results show the importance of including the rat as an experimental model in the studies about germ cells development.

As células germinativas são as únicas células capazes de transmitir a informação genética de geração em geração. O desenvolvimento dessas células tem sido largamente estudado em diferentes espécies. Dentre os mamíferos, o camundongo é o modelo usado na maioria dos estudos sobre diferenciação, determinação sexual e genética das Células Germinativas Primordiais (CGP). Os dados obtidos no presente estudo sugerem que o rato também é um importante modelo para os estudos sobre o desenvolvimento das células germinativas. Para este estudo, foram utilizados alguns marcadores de CGP, gonócitos e de células de Sertoli, tais como: GCNA1, MVH, SSEA1 e OCT4 para as células germinativas e GATA4 para as células de Sertoli. A escolha desses marcadores se deu com base nos estudos realizados em camundongo, uma vez que não há informação suficiente sobre a expressão de marcadores de células germinativas em ratos durante a fase embrionária. A presença desses marcadores foi investigada através de imunofluorescência e imunohistoquímica. Os resultados mostraram que as proteínas SSEA1, GCNA e MVH apresentam padrão de marcação bastante diferente daquele observado em camundongos, sugerindo que talvez estas proteínas tenham função diferente no rato. As proteínas SSEA1 e GCNA1 não foram detectadas nas CGP, enquanto a proteína MVH foi detectada tanto nas CGP em migração quanto naquelas que já colonizaram as gônadas. Este mesmo padrão de marcação foi observado em humanos, sugerindo semelhanças entre essas duas espécies. Nas idades estudadas, o fator de transcrição OCT4 apresentou marcação semelhante àquela descrita em camundongos. Entretanto, o OCT4 não é mais detectado nas células germinativas a partir dos 19dpc. Os dados obtidos neste estudo sugerem a existência de importantes diferenças na expressão de marcadores das células germinativas entre ratos e camundongos, demonstrando a importância de se incluir o rato como modelo experimental nos estudos sobre desenvolvimento das células germinativas.
Palavra-chave Camundongo
Rato
Célula germinativa
Idioma Português
Data de publicação 2011-02-22
Publicado em ZANETTI, Giselly Encinas. Detecção de Marcadores para Células Germinativas em Ratos Durante a Fase Embrionária: Diferenças e Semelhanças com Camundongos. 2011. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2011.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 143 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9322

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Retido-0022a.pdf
Tamanho: 878.8KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Retido-0022b.pdf
Tamanho: 1.824MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Retido-0022c.pdf
Tamanho: 1.689MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Retido-0022d.pdf
Tamanho: 1.920MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Retido-0022e.pdf
Tamanho: 1.842MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Retido-0022f.pdf
Tamanho: 1.377MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta