Caracterização da expressão in situ de mediadores hipotalâmicos da hombostase energética em animais nocautes de receptor B1 de cininas

Caracterização da expressão in situ de mediadores hipotalâmicos da hombostase energética em animais nocautes de receptor B1 de cininas

Título alternativo In situ characterization of the expression of hypothalamic mediators of energy homeostasis in kinin B1 receptor knockout mice
Autor Torres, Hugo Arruda de Moura Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Pesquero, João Bosco Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo The metabolic syndrome is a global aiction and substantial financial resources are spent by governments in the treatment of related diseases such as obesity, diabetes mellitus and cardiopathies. The growing index of obese people in the world has not a single cause and seems to have evolutionary roots. There is a clear role of the hypothalamus in the control of food intake and energetic expenditure. It is one of the major integration sites of peripheral and central factors regulating energy homeostasis. Our group has recently correlated the kallikrein-kinin system with the control of energy expenditure showing that mice that had the kinin B1 receptor gene knockedout( B1-/-) display a phenotype of resistance to diet-induced obesity. These mice have reduced leptin serum levels and are more sensitive to this hormone as opposed to wild-type mice. In addition, they diplay an increased motor activity when submited to a high-lipid containing diet. The discovery that leptin has a trophic action on hypothalamic structures has prompted us to investigate whether structural abnormalities in the hipothalamic circuitry of B1-/- mice would have a role in the causation of the observed phenotype. Immunohistochemistry and in situ hybridization techniques using probes targeting peptides classically implicated in the control of energy balance - Neuropeptide Y (NPY), Cocaine-and-Amphetamine Related Transcript (CART), -melanocyte stimulating hormone (-MSH) and the leptin receptor (Ob-Rb) - were used. The paraventricular nucleus of the hypothalamus and the perifornical region of the lateral hipothalamic area are places at which the CART peptide activity is respectively correlated to increased energy expenditure and increased locomotor activity. An increased CART expression was demonstrated in these nuclei in B1-/- mice, satisfying our previous experimental observations about the B1 knock-out phenotype.

A síndrome metabólica é uma condição patológica de impacto global e recursos financeiros substanciais são gastos por governos no tratamento de doenças associadas como obesidade, diabetes mellitus e cardiopatias. O crescente índice de obesos no mundo não tem uma causa única e parece ter raízes evolutivas. É clara a participação do hipotálamo no controle da ingestão alimentar e do gasto energético, sendo ele um dos principais locais de integração de fatores centrais e periféricos que controlam a homeostase energética. Nosso grupo recentemente correlacionou o sistema calicreína-cinina como controle do gasto energético, mostrando que animais nocautes para o gene codificacador do receptor B1 de cininas (B1-/-) apresentam um fenótipo de resistência à obesidade induzida por dieta. Estes animais apresentam, por exemplo, níveis séricos basais reduzidos de leptina, porém são mais sensíveis a este hormônio em comparação a animais controles selvagens. Além disso, esses animais possuem também um aumento na atividade física quando submetidos a uma dieta rica em lipídeos. A descoberta de que a leptina tem uma ação trófica sobre estruturas hipotalâmicas estimulou-nos a investigar se anormalidades estruturais no hipotálamo têm papel importante na causação do fenótipo observado. As técnicas de imuno-histoquímica e hibridização in situ com sondas para peptídeos classicamente implicados no controle do balanço energético - Neuropeptídeo Y (NPY), transcrito relacionado à cocaína e anfetamina (CART), -melanocyte stimulating hormone (-MSH) e sonda para o receptor de leptina (Ob-Rb) - foram usadas. A região do núcleo paraventricular hipotalâmico e a região perifornicial da área hipotalâmica lateral (em que a ação do CART está corelacionada com o aumento do gasto energético e aumento da atividade locomotora, respectivamente) de animais B1-/- apresentam um aumento significativo na expressão de CART em comparação a animais WT corroborando nossas observações experimentais prévias sobre estes animais.
Assunto Hipotálamo
Obesidade
Cininas
Hypothalamus
Obesity
Kinins
Idioma Português
Data 2009-04-29
Publicado em TORRES, Hugo Arruda de Moura. Caracterização da expressão in situ de mediadores hipotalâmicos da hombostase energética em animais nocautes de receptor B1 de cininas. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 66 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9166

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: Publico-00272a.pdf
Tamanho: 1.939Mb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir
Nome: Publico-00272b.pdf
Tamanho: 922.3Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)