Avaliação dos efeitos do exercício físico sobre a produção de óxido nítico (NO) e sobre a nefropatia em ratos diabetes mellitus (DM) experimental

Show simple item record

dc.contributor.advisor Higa, Elisa Mieko Suemitsu [UNIFESP]
dc.contributor.author Rodrigues, Adelson Marçal [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2015-07-22T20:49:36Z
dc.date.available 2015-07-22T20:49:36Z
dc.date.issued 2009-01-28
dc.identifier.citation RODRIGUES, Adelson Marçal. Avaliação dos efeitos do exercício físico sobre a produção de óxido nítico (NO) e sobre a nefropatia em ratos diabetes mellitus (DM) experimental. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9104
dc.description.abstract Avaliação dos efeitos do exercício físico sobre a produção de óxido nítrico (NO) e sobre a nefropatia em ratos com diabetes mellitus (DM) experimental. O objetivo deste estudo foi avaliar 0 NO produzido durante 0 exercício físico em ratos com OM experimental, e seu efeito sobre a evolução da nefropatia diabética. Ratos Wistar machos adultos foram tratados com estreptozotocina para indução do OM, ou somente pelo seu veículo. Metade dos animais de cada grupo passou por um treinamento sobre esteira e os outros (sedentários) ficaram sobre a esteira desativada por mesmo período; n=9 para todos os grupos: Controle sedentário (CTL +SE); controle exercício (CTL +EX); diabético sedentário (OM+SE); e diabético exercício (OM+EX). 0 treinamento sobre esteira foi feito sobre esteira com velocidade de 16m/min, 60min/dia, 5dias/semana durante 8 semanas. Antes e depois da serie de exercícios os ratos foram colocados em gaiolas metab61icas individuais para coletar urina de 24 horas, seguido pela coleta de uma simples amostra de sangue do plexo retro-orbital, ap6s anestesia. As analises bioquímicas e parâmetros metab61icos dos animais diabéticos quando comparados aos seus respectivos controles, mostraram redução no peso, na depuração de creatinina, uréia e NO, aumento na glicemia, na excreção de albumina e da excreção de TSARS; as analises histol6gicas também mostraram importantes diferenças entre estes grupos. Contudo, no grupo OM+EX todos os parâmetros induzidos pelo OM estavam atenuados quando comparado ao OM+SE. Nossos dados sugerem que a rotina de exercícios tem efeitos benéficos sobre 0 OM, atenuando 0 desenvolvimento de suas complicações, incluindo a nefropatia diabética, talvez através do NO e do controle do estresse oxidativo. pt
dc.format.extent 96 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject Estresse oxidativo pt
dc.subject Exercício pt
dc.subject Nefropatias diabéticas pt
dc.subject Óxido nítrico pt
dc.subject Diabetes mellitus experimental pt
dc.subject Nefrologia pt
dc.subject Nefropatias diabéticas pt
dc.title Avaliação dos efeitos do exercício físico sobre a produção de óxido nítico (NO) e sobre a nefropatia em ratos diabetes mellitus (DM) experimental pt
dc.title.alternative Effects of physical exercises on the nitic ocide (NO) production and diabetic nephropathy in rats with experimental diabetes mellitus(DM) en
dc.type Dissertação de mestrado
dc.contributor.institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.identifier.file Retido-028.pdf
dc.description.source TEDE
dc.description.source BV UNIFESP: Teses e dissertações
unifesp.campus São Paulo, Escola Paulista de Medicina (EPM) pt



File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account