A representação social da adolescente grávida no ambiente escolar: uma abordagem Winnicottiana

Show simple item record

dc.contributor.advisor Brêtas, José Roberto da Silva [UNIFESP]
dc.contributor.author Goellner, Maila Beatriz [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2015-07-22T20:49:15Z
dc.date.available 2015-07-22T20:49:15Z
dc.date.issued 2009-04-29
dc.identifier.citation GOELLNER, Maila Beatriz. A Representação Social da adolescente grávida no ambiente escolar: uma abordagem Winnicottiana. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8848
dc.description.abstract Trata-se de um estudo qualitativo com base na abordagem das Representações Sociais, que teve por objetivo conhecer as representações de adolescentes acerca do estar grávida e as subjetividades emergentes deste processo no ambiente da escola. Os sujeitos deste estudo constituíram-se por dois grupos: o primeiro grupo formado por adolescentes e jovens do sexo feminino que estiveram grávidas, com idade delimitada na faixa etária de 10 a 19 anos; o segundo, por adolescentes e jovens de ambos os sexos que fizeram parte do grupo da adolescente na escola. Foi realizado junto ao campo de ação do Projeto de Extensão Universitária “Corporalidade e Promoção da Saúde” da Universidade Federal de São Paulo, que é desenvolvido em três escolas de ensino fundamental e médio e na Unidade Básica de Saúde de referência, situadas na região de Santo Eduardo, município de Embu, São Paulo. Os instrumentos utilizados para coleta dos dados foram a técnica de entrevista individual e a do grupo focal. Optamos pela utilização da técnica de análise de dados das Representações Sociais para tratamento dos dados desvelados pelos discursos dos sujeitos, e a interpretação dos mesmos foi realizada com base nos pressupostos winnicottianos. O Núcleo Central delimitado foi o estar grávida no ambiente escolar, no qual emergiram os seguintes Núcleos Periféricos: A representação do estar grávida; A repercussão da gravidez no ambiente escolar na visão da adolescente; A representação da família segundo a adolescente; A repercussão da gravidez na adolescente segundo o grupo; A relação do grupo com a adolescente grávida. Identificamos que o estar grávida em ambiente escolar apresenta representações e subjetividades no âmbito psicossocial, envolve questões relativas ao relacionamento da adolescente grávida com sua família, com os professores, com a escola e repercute na sua relação com o grupo. pt
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso aberto
dc.subject Adolescent psychology en
dc.subject Social psychology en
dc.subject Public health en
dc.subject School health en
dc.subject Adolescente pt
dc.subject Gravidez na adolescência pt
dc.subject Psicologia do adolescente pt
dc.subject Psicologia social pt
dc.subject Saúde coletiva pt
dc.subject Saúde escolar pt
dc.subject Adolescent en
dc.subject Adolescent pregnancy en
dc.title A representação social da adolescente grávida no ambiente escolar: uma abordagem Winnicottiana pt
dc.title.alternative The Social Representation of pregnant teenagers in the school environment: an approach of Winnicott’s Psychoanalysis en
dc.type Dissertação de mestrado
dc.contributor.institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.identifier.file Publico-169.pdf
dc.description.source TEDE
unifesp.campus São Paulo, Escola Paulista de Medicina (EPM) pt



File

Name: Publico-169.pdf
Size: 691.9Kb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account