A formação médica em currículo com metodologia ativa - PBL: concepções docentes

A formação médica em currículo com metodologia ativa - PBL: concepções docentes

Título alternativo The medical formation curriculum in the active methodology - PBL: teaching conceptions
Autor Almeida, Enedina Gonçalves Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Batista, Nildo Alves Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo O PBL como prática educacional tem se expandido em escolas médicas em todo o mundo e vem sendo acompanhado de extensa discussão e suscitado inúmeras pesquisas a cerca de seus resultados na formação. Este estudo investigou a aprendizagem e currículo com metodologia ativa, PBL, e sua relação com a formação médica, especialmente, as concepções docentes sobre a vivência na aprendizagem ativa e currículo PBL, o papel dos docentes e estudantes nesse processo, os enfrentamentos e repercussões na formação médica. Docentes do 1º, 7º e 11º período do curso médico, tutores, construtores de módulo, coordenadores de módulo, instrutores e preceptores, foram os sujeitos da pesquisa, realizada na Universidade Estadual de Montes Claros – Unimontes, com a participação de 38 docentes. Utilizou-se a complementaridade das abordagens qualitativa e quantitativa, através de um questionário que permitiu o mapeamento do objeto e em seqüência uma entrevista semi-estruturada que aprofundou nos significados. Os dados do questionário foram analisados quanto à concordância e discordância, tabulados e expressos em gráficos e percentis. A entrevista foi submetida à análise temática. Os principais achados evidenciaram que a aprendizagem ativa foi reconhecida pelos docentes como base para atuação profissional futura, destacou-se o desenvolvimento de habilidades para educação permanente, resolução de problemas, trabalho em equipe, raciocínio clínico e para prática médica propriamente dita, embasadas na capacidade do estudante para construção ativa do conhecimento, estudo auto-dirigido, auto-regulação e colaboração na aprendizagem. O currículo revelou-se desafiante pelo compromisso, envolvimento e capacitação docente em alcançar a potencialidade de uma atuação diversificada, facilitadora da aprendizagem e multidisciplinar. Demonstrou também ser um processo de caráter evolutivo e permanente, permissivo a lacunas cognitivas, estruturais e de integração curricular. A avaliação, percebida como norteadora, demonstrou fragilidades indicativas de desgaste na implementação do currículo. Em conclusão, a pesquisa revelou a potencialidade da metodologia em favorecer o desenvolvimento de habilidades profissionais diferenciadas e de ser utilizada como estratégia orientadora de currículos. Restam maiores estudos sobre o impacto que essa estratégia educacional e esses diferenciais de formação possam representar na prática médica no dia a dia, nas academias, nos serviços, nas relações e nas necessidades de saúde das pessoas. e.
Palavra-chave Aprendizagem
Currículo
Formação Médica
Teaching conceptions
Educação Médica
Medical formation
Idioma Português
Data de publicação 2009-11-25
Publicado em ALMEIDA, Enedina Gonçalves. A formação médica em currículo com metodologia ativa - PBL: concepções docentes. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8823

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-12603a.pdf
Tamanho: 992.3KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: Publico-12603b.pdf
Tamanho: 1.245MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta