Effects of hyperprolactinemia and ovariectomy on the tibial epiphyseal growth plate and bone formation in mice

Effects of hyperprolactinemia and ovariectomy on the tibial epiphyseal growth plate and bone formation in mice

Título alternativo Efeitos da hiperprolactinemia e ooforectomia sobre o disco epifisário da tíbia e formação óssea em camundongos fêmeas
Autor Wolff, Roberta Bastos Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE:To evaluate the effects of ovariectomy and the hyperprolactinemia procedure in the tibial epiphyseal growth plate of female mice.METHODS:In this study, the epiphyseal growth plate of ovariectomized (OVX) and/or rendered hyperprolactinemic female mice by 50 days of treatment with 200 μg metoclopramide (M) was evaluated morphologically, morphometrically and immuno-histochemically. Forty female and adult mice were divided into four groups according to treatment: V group - animals treated with saline solution; H group - hyperprolactinemic animals; Ovx/V group - ovariectomized animals and treated with saline solution; Ovx/H group - hyperprolactinemic and ovariectomized animals. After the treatment period, the animals were sacrificed, tibia was removed and fixed in 10% buffered formalin and decalcified in 10% formic acid. The material was immersed in paraffin and subjected to histological processing in paraffin. The sections were stained with Masson's trichrome and immunohistochemistry was carried out for the pro-apoptotic protein BCL-2. The images for the morphological and morphometric study were analyzed with the imaging program AxioVision 4.8 (Carl-Zeiss(r), Germany).RESULTS:The combination of hyperprolactinemia and the ovariectomy procedure decreased the number of resting chondrocytes 1.5-fold, the number of proliferative chondrocytes 1.8-fold; the percentage of resting cartilage 2.4-fold and the percentage of trabecular bone 2.1-fold, compared with respective control animals.CONCLUSION:The procedure of ovariectomy combined with the metoclopramide-induced hyperprolactinemia in female mice has showed marked bone degeneration due to significant decrease of cell proliferation in the epiphyseal growth plate and bone formation.

OBJETIVO:Avaliar os efeitos do procedimento de ooforectomia e da hiperprolactinemia no disco epifisário da tíbia de camundongos fêmeas.MÉTODOS:Neste estudo, o disco epifisário de camundongos fêmeas ovariectomizadas (OVX) e/ou com hiperprolactinemia induzida por tratamento com 200 μg de metoclopramida por 50 dias (M) foi avaliado morfologicamente, morfometricamente e imunohistoquimicamente. Quarenta camundongos fêmeas e adultas foram divididas em quatro grupos, segundo o tratamento: Grupo V - animais tratados com solução salina; Grupo H - animais hiperprolactinêmicos; Grupo Ovx/V - animais ooforectomizados e tratados com o solução salina; Grupo Ovx/H - animais ooforectomizados e hiperprolactinêmicos. Após o período de tratamento, os animais foram sacrificados, as tíbias removidas e fixadas em formalina tamponada a 10% e descalcificadas em ácido fórmico a 10%. O material foi emblocado em parafina e submetido a processamento histológico em parafina. Os cortes foram corados pelo tricrômico de Masson e foi feita a imunohistoquímica para a proteína pró-apoptótica BCL-2. As imagens para o estudo morfológico e morfométrico foram analisadas com o programa de imagem AxioVision 4.8 (Carl-Zeiss(r), Alemanha).RESULTADOS:A combinação da hiperprolactinemia e do procedimento de ovariectomia levou à redução do número de condrócitos de repouso em 1,5 vezes; o número de condrócitos proliferativos em 1,8; a percentagem de cartilagem de repouso em 2,4, e a percentagem de osso trabecular em 2,1 vezes, em comparação com os respectivos animais controles.CONCLUSÃO:O procedimento de ooforectomia combinado com a condição de hiperprolactinemia induzida pela metoclopramida em camundongos fêmeas evidenciou degeneração óssea acentuada, devido à diminuição significativa da proliferação celular no disco epifisário e da formação óssea.
Palavra-chave Growth plate/metabolism
Tibia/metabolism
Ovariectomy
Hyperprolactinemia
Hyaline cartilage
Lâmina de crescimento/metabolismo
Tíbia/metabolismo
Ovariectomia
Hiperprolactinemia
Cartilagem hialina
Idioma Inglês
Data de publicação 2014-08-01
Publicado em Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia. Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia, v. 36, n. 8, p. 359-366, 2014.
ISSN 0100-7203 (Sherpa/Romeo)
Publicador Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia
Extensão 359-366
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/SO100-720320140005065
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0100-72032014000800359 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8539

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0100-72032014000800359.pdf
Tamanho: 10.59MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta