Análise quantitativa da deglutição de parkinsonianos pré e pós-riboflavina

Análise quantitativa da deglutição de parkinsonianos pré e pós-riboflavina

Título alternativo Quantitative analysis of swallowing in parkinson´s disease before and after riboflavin
Autor Silvério, Carolina Castelli Autor UNIFESP Google Scholar
Coimbra, Cicero Galli Autor UNIFESP Google Scholar
Chiari, Brasilia Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Lederman, Henrique Manoel Autor UNIFESP Google Scholar
Gonçalves, Maria Inês Rebelo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Purposeto verify the quantitative changes in the swallowing dynamics in patients with Parkinson´s disease submitted to treatment with riboflavin, red meat and poultry removed during one year period. Methodsixteen patients with Parkinson´s disease participated in the study; the mean age was 67.25 years, the mean degree of disease severity was II to III, and the mean time since the diagnosis of the disease was 3.5 years. Videofluoroscopic evaluations were performed before and one year after treatment with riboflavin and diet with restriction of read meat and poultry. Analyzed werepresence of complaints related to swallowing and quantitative analyses of swallowing includind computerized measurements of hyoid bone and cricoid cartilage displacement, opening of the superior esophageal sphincter and pharyngeal constriction. Resultdecrease of complaints was observed after administration of riboflavin. About the quantitative measures after riboflavin, there were a increase in the opening of the superior esophageal sphincter for all consistencies offered, an increase in the pharyngeal constriction for the thickened liquid, a reduction in the hyoide bone displacement, and an increase or a reduction in the cricoid cartilage displacement for each consistency, with significant reduction for the liquid. Conclusionquantitative measurements made in the movement of organs associated with swallowing showed no significant differences between pre-and post-riboflavin, and red meat and poultry removed.

Objetivoverificar as mudanças quantitativas na dinâmica da deglutição em pacientes portadores da doença de Parkinson, submetidos à administração de riboflavina e restrição de carnes vermelhas e de aves, no período de um ano. Métodoparticiparam do estudo 16 pacientes com doença de Parkinson, com media de idade de 67,25 anos, media do nível de severidade da doença de II para III e com media de 3,5 anos de tempo de diagnóstico da doença. As avaliações videofluoroscópicas da deglutição foram realizadas antes e após um ano de administração de riboflavina e restrição de carne vermelha e de aves. Foram analisadapresença de queixas relacionadas à deglutição e análise quantitativa por meio de medidas computadorizadas do deslocamento do osso hióide e da cartilagem cricóidea, abertura da transição faringoesofágica (TFE) e da constrição da faringe. Resultadoverificou-se redução no percentual de queixas relacionadas à deglutição no momento pós-administração de riboflavina. Com relação às medidas quantitativas, observou-se no momento pós um discreto aumento na abertura da TFE para todas as consistências oferecidas, aumento da constrição da faringe para a consistência líquido engrossado, discreta redução dos valores de deslocamento do osso hióide, e tanto discreta redução como discreto aumento dos valores de deslocamento da cartilagem cricóidea dependendo da consistência alimentar, sendo redução significante para o líquido. Conclusõeas medidas quantitativas realizadas na movimentação dos órgãos relacionados à deglutição não demonstraram diferenças significantes entre os momentos pré e pós-riboflavina e a restrição de carne vermelha e de aves.
Palavra-chave Deglutition
Deglutition Disorders
Parkinson Disease
Riboflavin
Fluoroscopy
Deglutição
Transtornos de Deglutição
Doença de Parkinson
Riboflavina
Fluoroscopia
Idioma Português
Data de publicação 2014-08-01
Publicado em Revista CEFAC. CEFAC Saúde e Educação, v. 16, n. 4, p. 1125-1132, 2014.
ISSN 1516-1846 (Sherpa/Romeo)
Publicador CEFAC Saúde e Educação
Extensão 1125-1132
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/1982-021620142312
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1516-18462014000401125 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8536

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1516-18462014000401125.pdf
Tamanho: 304.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta