Na periferia da quadra: educação física, cultura e sociabilidade na escola

Exibir registro simples

dc.contributor.author Oliveira, Rogério Cruz de [UNIFESP]
dc.contributor.author Daolio, Jocimar
dc.date.accessioned 2015-06-14T13:47:14Z
dc.date.available 2015-06-14T13:47:14Z
dc.date.issued 2014-08-01
dc.identifier http://dx.doi.org/10.1590/S0103-73072014000200013
dc.identifier.citation Pro-Posições. UNICAMP - Faculdade de Educação, v. 25, n. 2, p. 237-254, 2014.
dc.identifier.issn 0103-7307
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8524
dc.description.abstract The aim of this study was to analyze the participation and appropriation of the physical education class for students who are in its margins, at the periphery of the sports' court. The study was carried out in a public school as an ethnography, relying on observations and semi-structured interviews. The results showed that participation and appropriation of the physical education class fell into three categories: (not) practicing, active and floating. The analysis of each category has contributed to elucidate the existence of different stereotypes, prejudice and thus inequality of opportunities in the physical education class. Nevertheless, although there was, on the part of the students, limited acquisition of knowledge on Physical Education, they could develop experiences of sociability with each other free from the formal constraints usually found in classrooms. en
dc.description.abstract O objetivo do estudo é analisar a participação e a apropriação da aula de Educação Física pelos alunos que ali se encontram à margem, na periferia da quadra. O estudo, desenvolvido numa escola pública, deu-se a partir do método etnográfico, tendo como instrumento de coleta de dados a observação e a entrevista semiestruturada. A partir dessa imersão, compreendeu-se a participação e a apropriação da aula de Educação Física pelos alunos em três categorias: pedacinho (im)praticante, pedacinho ativo e pedacinho flutuante. Embora diferentes, os três pedacinhos elucidaram a existência de estereótipos, preconceitos e desigualdades de oportunidades. Dessa forma, houve, por parte dos alunos, uma apropriação limitada dos conhecimentos da Educação Física. Entretanto, mesmo inseridos num horizonte limitador de ensino-aprendizagem da Educação Física, os alunos vivenciaram sua sociabilidade na perspectiva de um tempo e um espaço de livre convivência com o outro. pt
dc.format.extent 237-254
dc.language.iso por
dc.publisher UNICAMP - Faculdade de Educação
dc.relation.ispartof Pro-Posições
dc.rights Acesso aberto
dc.subject Physical Education en
dc.subject school en
dc.subject culture en
dc.subject sociability en
dc.subject Educação Física pt
dc.subject escola pt
dc.subject cultura pt
dc.subject sociabilidade pt
dc.title Na periferia da quadra: educação física, cultura e sociabilidade na escola pt
dc.title.alternative At the court's periphery: physical education, culture and sociability in school en
dc.type Artigo
dc.contributor.institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.contributor.institution Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
dc.description.affiliation Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.description.affiliation Universidade Estadual de Campinas
dc.description.affiliationUnifesp UNIFESP
dc.identifier.file S0103-73072014000200013.pdf
dc.identifier.scielo S0103-73072014000200013
dc.identifier.doi 10.1590/S0103-73072014000200013
dc.description.source SciELO



Arquivo

Nome: S0103-73072014000200013.pdf
Tamanho: 515.0KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Exibir registro simples

Buscar


Navegar

Minha conta