Adaptação transcultural do Teste de Conhecimento Emocional: avaliação neuropsicológica das emoções

Adaptação transcultural do Teste de Conhecimento Emocional: avaliação neuropsicológica das emoções

Título alternativo Transcultural adaptation of the Emotion Matching Task: an emotion neuropsychological assessment
Adaptación transcultural del Test de Conocimiento Emocional: evaluación neuropsicológica de las emociones
Autor Andrade, Nara Côrtes Google Scholar
Abreu, Neander Google Scholar
Menezes, Igor Google Scholar
Mello, Cláudia Berlim De Autor UNIFESP Google Scholar
Duran, Victor Riccio Google Scholar
Moreira, Narena De Alencar Google Scholar
Instituição Universidade de São Paulo (USP)
Universidade Católica do Salvador
Universidade Federal da Bahia
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Emotions play a central role in children's relationships. Deficits in emotional understanding have been associated with several neuropsychiatric disorders. In Brazil, however, few psychological instruments are available to assess young children's emotional development. The objective of the present study was to make a transcultural adaptation of the Emotion Matching Task (EMT). The EMT was translated and adapted by a team of bilingual researches and then back-translated to English. The preliminary versions were assessed by EMT's authors and by Brazilians specialized judges. The final version was applied in a sample of 50 children between three and six years of age and answered by nine judges in three Brazilian states. The results indicate good semantic equivalence and good agreement with the answers provided (κ= 0.88, Z=95.2, p<0.001). The final version of the EMT was considered appropriate and satisfactory.

Las emociones desempeñan un papel central en las relaciones y déficits en la comprensión de emociones ha sido asociado a diversos trastornos neurológicos y psiquiátricos en la infancia. Sin embargo, se verifica que en Brasil existen pocos instrumentos que evalúen esta habilidad. Este estudio tiene como objetivo adaptar transculturalmente el Test de Conocimiento Emocional (EMT). El instrumento original fue traducido al portugués por un equipo de investigadores bilingues y, posteriormente, retraducido al inglés. Las versiones preliminares fueron juzgadas por los autores del instrumento y por jueces brasileros especialistas. La versión final fue aplicada a una muestra de 50 niños entre tres y seis años de edad y respondida por nueve jueces de tres estados brasileros. Los resultados muestran una buena equivalencia semántica, además de buenos niveles de concordancia con las respuestas (k=0,88; Z=95,2; p<0,001). La versión final del EMT se mostró adecuada y satisfactoria.

As emoções desempenham um papel central nas relações das crianças e déficits na compreensão de emoções têm sido associados a diversos transtornos neuropsiquiátricos na infância. Entretanto, verifica-se uma escassez de instrumentos psicológicos disponíveis no Brasil que avaliem esta habilidade. O presente estudo teve por objetivo adaptar transculturalmente o Teste de Conhecimento Emocional (EMT). O instrumento original foi traduzido por uma equipe de pesquisadores bilíngues e posteriormente retraduzido para o inglês. As versões preliminares foram julgadas pelos autores do instrumento e por juízes brasileiros especialistas. A versão final foi aplicada em uma amostra de 50 crianças entre três e seis anos de idade e respondida por nove juízes de três estados brasileiros. Os resultados mostram uma boa equivalência semântica, além de bons níveis de concordância quanto às respostas (κ= 0,88, Z=95,2, p<0,001). A versão final do EMT mostrou-se adequada e satisfatória.
Palavra-chave Emotion
Child
Neuropsychological Test
Emoção
Crianças
Testes neuropsicológicos
Idioma Português
Data de publicação 2014-08-01
Publicado em Psico-USF. Universidade de São Francisco, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia, v. 19, n. 2, p. 297-306, 2014.
ISSN 1413-8271 (Sherpa/Romeo)
Publicador Universidade de São Francisco, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia
Extensão 297-306
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/1413-82712014019002001
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1413-82712014000200012 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8499

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1413-82712014000200012.pdf
Tamanho: 224.8KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta