Auditory pathway maturational study in small for gestational age preterm infants

Auditory pathway maturational study in small for gestational age preterm infants

Título alternativo Estudo maturacional da via auditiva em prematuros nascidos pequenos para a idade gestacional
Autor Angrisani, Rosanna Giaffredo Google Scholar
Diniz, Edna Maria Albuquerque Google Scholar
Guinsburg, Ruth Autor UNIFESP Google Scholar
Ferraro, Alexandre Archanjo Google Scholar
Azevedo, Marisa Frasson de Autor UNIFESP Google Scholar
Matas, Carla Gentile Google Scholar
Instituição Universidade de São Paulo (USP)
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE:To follow up the maturation of the auditory pathway in preterm infants small for gestational age (SGA), through the study of absolute and interpeak latencies of auditory brainstem response (ABR) in the first six months of age.METHODS:This multicentric prospective cross-sectional and longitudinal study assessed 76 newborn infants, 35 SGA and 41 appropriate for gestational age (AGA), born between 33 and 36 weeks in the first evaluation. The ABR was carried out in three moments (neonatal period, three months and six months). Twenty-nine SGA and 33 AGA (62 infants), between 51 and 54 weeks (corrected age), returned for the second evaluation. In the third evaluation, 49 infants (23 SGA and 26 AGA), with age range from 63 to 65 weeks (corrected age), were assessed. The bilateral presence of Transient Evoked Otoacoustic Emissions and normal tympanogram were inclusion criteria.RESULTS:It was found interaural symmetry in both groups. The comparison between the two groups throughout the three periods studied showed no significant differences in the ABR parameters, except for the latencies of wave III in the period between three and six months. As for the maturation with tone burst 0.5 and 1 kHz, it was found that the groups did not differ.CONCLUSION:The findings suggest that, in the premature infants, the maturational process of the auditory pathway occurs in a similar rate for SGA and AGA. These results also suggest that prematurity is a more relevant factor for the maturation of the auditory pathway than birth weight.

OBJETIVO:Acompanhar a maturação da via auditiva em recém-nascidos prematuros pequenos para a idade gestacional (PIG), por meio do estudo das latências absolutas e interpicos do potencial evocado auditivo de tronco encefálico (PEATE) nos primeiros seis meses de idade.MÉTODOS:Estudo transversal e longitudinal prospectivo multicêntrico, que avaliou 76 recém-nascidos, 35 PIG e 41 adequados para a idade gestacional (AIG), nascidos entre 27 e 36 semanas de gestação na primeira avaliação. O PEATE foi realizado em três momentos (período neonatal, três meses e seis meses). Retornaram para a segunda avaliação 29 PIG e 33 AIG (62 lactentes), entre 51 e 54 semanas (idade corrigida). Na terceira, retornaram 49 lactentes (23 PIG e 26 AIG), com faixa etária de 63 a 65 semanas (idade corrigida). Foi critério de inclusão a presença bilateral de emissões otoacústicas evocadas por estímulo transiente e curva timpanométrica normal.RESULTADOS:Verificou-se simetria interaural nos dois grupos. A comparação entre os dois grupos ao longo dos três períodos estudados não mostrou diferenças relevantes nos parâmetros do PEATE, exceto para as latências da onda III no período entre os três e seis meses. Quanto ao processo maturacional com tone burst 0,5 e 1 kHz, verificou-se que os grupos não se diferenciaram.CONCLUSÃO:Os resultados sugerem que, nos prematuros, o processo de maturação da via auditiva ocorre em tempo similar em PIG e AIG. Também sugerem que a prematuridade é um fator de maior relevância para a maturação da via auditiva que o fator peso ao nascer.
Palavra-chave Evoked Potentials
Brain Stem
Hearing
Hearing Disorders
Infant, Newborn
Infant, Premature
Potenciais Evocados
Tronco Encefálico
Audição
Transtornos da Audição
Recém-Nascido
Prematuro
Idioma Inglês
Data de publicação 2014-07-01
Publicado em CoDAS. Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, v. 26, n. 4, p. 286-293, 2014.
ISSN 2317-1782 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Extensão 286-293
Fonte http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S2317-17822014000400286&script=sci_arttext
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S2317-17822014000400286 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8456

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S2317-17822014000400286.pdf
Tamanho: 228.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta