Efeitos do exercício físico sobre os níveis séricos de serotonina e seu metabólito na fibromialgia: um estudo piloto randomizado

Efeitos do exercício físico sobre os níveis séricos de serotonina e seu metabólito na fibromialgia: um estudo piloto randomizado

Título alternativo Effects of physical exercise on serum levels of serotonin and its metabolite in fibromyalgia: a randomized pilot study
Autor Valim, Valeria Autor UNIFESP Google Scholar
Natour, Jamil Autor UNIFESP Google Scholar
Xiao, Yangming Google Scholar
Pereira, Abraão Ferraz Alves Google Scholar
Lopes, Beatriz Baptista da Cunha Autor UNIFESP Google Scholar
Pollak, Daniel Feldman Autor UNIFESP Google Scholar
Zandonade, Eliana Google Scholar
Russell, Irwin Jon Google Scholar
Instituição Universidade Federal do Espírito Santo Departamento de Reumatologia
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
University of Texas Health Science Center at San Antonio
UFES Departamento de Dermatologia
UFES Departamento de Estatística
Resumo To evaluate the effects of aerobic training and stretching on serum levels of serotonin (5HT) and its main metabolite 5-hydroxindolacetic acid (5HIAA). Twenty-two women with FM were randomized into one of two exercise modalities (aerobic walking exercise or stretching exercise) to be accomplished three times a week for 20 weeks. The serum levels of 5HT and 5HIAA were evaluated before and after the exercise program by high performance liquid chromatography (HPLC) with colorimetric detection. Within group analysis (pre-post) showed that serum levels of both 5HT and 5HIAA changed signifi cantly in the aerobic group during the 20-week course of therapy (5HT: P = 0,03; 5HIAA: P = 0,003). In the stretching group, however, no statistically signifi cant change was observed (5HT: P=0,491; 5HIAA: P=0,549). Between group statistical comparisons of laboratory measures disclosed that aerobic training was superior to stretching in that it signifi - cantly increased the levels of 5HIAA (F test = 6.61; P = 0.01), but the average difference between groups on the levels of 5HT did not meet signifi cance criteria (F test = 3.42; P = 0.08). Aerobic training increases the 5HIAA and 5HT levels and it could explain why aerobic exercise can improve symptoms in fi bromyalgia syndrome patient more than stretching exercise

Avaliar os efeitos do treinamento aeróbico e do alongamento sobre os níveis séricos de serotonina (5-HT) e seu principal metabólito ácido 5-hidroxiindolacético (5-HIAA). Foram randomizadas 22 mulheres com fibromialgia (FM) em uma de duas modalidades de exercício (exercício aeróbico de caminhada ou exercício de alongamento) a serem realizadas três vezes por semana, por 20 semanas. Os níveis séricos de 5-HT e 5-HIAA foram avaliados antes e após o programa de exercícios por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) com detecção colorimétrica. A análise de grupo (pré-pós) mostrou que os níveis séricos de 5-HT e 5-HIAA mudaram significativamente no grupo aeróbico durante o período de 20 semanas de terapia (5-HT: p = 0,03; 5-HIAA: p = 0,003). No grupo alongamento, contudo, não foi observada qualquer alteração estatisticamente significativa (5-HT: p = 0,491; 5-HIAA: p = 0,549). Comparações estatísticas das medidas de laboratório entre os grupos constataram que o treinamento aeróbico foi superior ao alongamento, aumentando significativamente os níveis de 5-HIAA (teste F - 6,61; p = 0,01); porém, a diferença média entre os grupos a respeito dos níveis de 5-HT não atendeu aos critérios de relevância (teste F = 3,42; p = 0,08). O treinamento aeróbico aumenta os níveis de 5-HIAA e 5-HT e poderia explicar porque o exercício aeróbico pode melhorar os sintomas de pacientes com síndrome de fibromialgia mais que o exercício de alongamento.
Palavra-chave Fibromyalgia
Exercise
Serotonin
5HIAA
5HT
Fibromialgia
Exercício
Serotonina
5HIAA
5HT
Idioma Português
Data de publicação 2013-12-01
Publicado em Revista Brasileira de Reumatologia. Sociedade Brasileira de Reumatologia, v. 53, n. 6, p. 538-541, 2013.
ISSN 0482-5004 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Reumatologia
Extensão 538-541
Fonte http://dx.doi.org/10.1016/j.rbr.2013.02.001
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0482-50042013000600014 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8114

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0482-50042013000600014.pdf
Tamanho: 573.1KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta