Current and previous eating practices among women recovered from anorexia nervosa: a qualitative approach

Current and previous eating practices among women recovered from anorexia nervosa: a qualitative approach

Título alternativo Práticas alimentares atuais e pregressas em mulheres recuperadas da anorexia nervosa: uma abordagem qualitativa
Autor Ulian, Mariana Dimitrov Autor UNIFESP Google Scholar
Unsain, Ramiro Fernandez Google Scholar
Sato, Priscila De Morais Autor UNIFESP Google Scholar
Pereira, Patrícia Da Rocha Autor UNIFESP Google Scholar
Stelmo, Isis De Carvalho Autor UNIFESP Google Scholar
Sabatini, Fernanda Autor UNIFESP Google Scholar
Scagliusi, Fernanda Baeza Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidad Nacional de Buenos Aires Facultad de Filosofía y Letras Cátedra de Antropologia
Resumo OBJECTIVE: The aim of this study was to analyze qualitatively how women, who have recovered from anorexia nervosa, perceive and describe their current eating practices, as well as the ones developed during the eating disorder period. METHODS: Seven women were interviewed individually with the objective of investigating their eating practices, transition phases and all relevant aspects that somewhat contributed to the habit-forming; experiences, feelings and perceptions related to mealtime and the influence that food has had over the present subjects' life. The interviews were analyzed by the discourse of the collective subject method. RESULTS: The results brought up the following topics: a) control; b) concerns and feelings; c) deprivation d) beauty dictatorship; e) eating competence; f) importance of food; g) food cacophony. CONCLUSIONS: What stands out is a multiplicity of eating practices, which during the eating disorder were similar to and characterized by restriction; however, after recovery, part of the subjects seem to have developed a higher eating competence, whereas others show a practice similar to the one acquired during the anorexia nervosa, such as the difficulty in realizing when they are satisfied and a feeling of discomfort when facing social interactions.

OBJETIVO: Este artigo teve como objetivo analisar qualitativamente como mulheres que se recuperaram da anorexia nervosa percebem e relatam suas práticas alimentares atuais, bem como as práticas vigentes no período do transtorno. MÉTODOS: Foram feitas sete entrevistas individuais com mulheres que vivenciaram a anorexia nervosa. Estas abordaram: hábitos alimentares das entrevistadas; mudanças e fatores importantes para a formação destes; vivências, sentimentos e percepções associados ao momento da refeição; e a influência que a alimentação exerce na vida das participantes hoje. A análise dessas deu-se a partir da técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. RESULTADOS: Os resultados trouxeram os seguintes temas: a) controle; b) preocupações e sensações; c) privação d) ditadura da beleza; e) competência alimentar; f) importância da alimentação; g) cacofonia alimentar. CONCLUSÕES: Destaca-se nesses a multiplicidade das práticas alimentares, que durante o transtorno se assemelham e se caracterizam pela restrição; no entanto, após a recuperação dos sujeitos, alguns parecem ter desenvolvido maior competência alimentar, enquanto outros apresentam práticas semelhantes às vigentes na anorexia nervosa, além de dificuldade de perceberem quando estão satisfeitos e sensação de desconforto em situações de interação social.
Palavra-chave Eating
eating practices
eating disorders
anorexia nervosa
qualitative inquiry
Alimentação
práticas alimentares
transtornos alimentares
anorexia nervosa
estudo qualitativo
Idioma Inglês
Data de publicação 2013-12-01
Publicado em Jornal Brasileiro de Psiquiatria. Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro, v. 62, n. 4, p. 275-284, 2013.
ISSN 0047-2085 (Sherpa/Romeo)
Publicador Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro
Extensão 275-284
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0047-20852013000400005
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0047-20852013000400005 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/8112

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0047-20852013000400005.pdf
Tamanho: 136.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta