Vitamina D e dor crônica em idosos

Vitamina D e dor crônica em idosos

Título alternativo Vitamin D and chronic pain in the elderly
Autor Oliveira, Welington Saraiva De Autor UNIFESP Google Scholar
Moraes, Niele Autor UNIFESP Google Scholar
Santos, Fania Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo BACKGROUND AND OBJECTIVES: Chronic pain is a frequent complaint during medical visits, especially among the elderly. In the attempt to find more effective therapies with less adverse effects in this population, especially considering elderly people with neuropathic and musculoskeletal pain, there are studies relating vitamin D to pain, which could propose it as an analgesic alternative. This study aimed at reviewing in the literature the role of vitamin D in chronic musculoskeletal pain in the elderly. CONTENTS: Pubmed, Medline, LILACS, Cochrane Library and Scielo databases were queried for the last ten years, looking for studies in Portuguese and English. Initial search keywords were vitamin D and chronic pain, resulting in 220 articles, of which only those addressing musculoskeletal pain in the elderly were selected. From those, only ten met established criteria and were analyzed, resulting in: one systematic review, five transversal analytical studies, two case-series retrospective studies, one prospective observational study and one randomized and controlled clinical trial. Five studies have shown significant relationship between vitamin D deficit and chronic musculoskeletal pain; three studies have shown pain improvement after vitamin D supplementation and two have not observed pain improvement with such supplementation. CONCLUSION: Studies relating vitamin D to chronic pain in the elderly are still scarce and highly heterogeneous. The evaluation of vitamin D deficit should be more frequent during geriatric consultations, because this has been correlated to some painful syndromes and its correction could bring therapeutic benefits in some cases.

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A dor crônica é queixa muito frequente nas consultas, principalmente entre os idosos. Na tentativa de buscar terapêuticas mais eficazes e com menos efeitos adversos, nessa população, especialmente considerando idosos com dor neuropática e musculoesquelética, tem-se observado estudos que vêm relacionando a vitamina D a quadros dolorosos, o que poderia propô-la como uma alternativa analgésica. O objetivo deste estudo foi rever, na literatura, o papel da vitamina D na dor crônica neuromusculoesquelética em idosos. CONTEÚDO: Realizada a revisão bibliográfica na base de dados do Pubmed, Medline, LILACS, Biblioteca Cochrane e Scielo, contemplando os últimos 10 anos, títulos em português e inglês. Os descritores usados na busca inicial foram vitamina D e dor crônica, resultando 220 artigos, dos quais apenas os que se tratavam de dor neuromusculoesquelética em idosos foram utilizados. Destes, somente 10 preenchiam os critérios estabelecidos e foram analisados, resultando: um estudo de revisão sistemática, cinco estudos analíticos transversais, dois estudos retrospectivos do tipo série de casos, um estudo observacional prospectivo e um trial clínico randomizado e controlado. Observou-se em cinco estudos uma relação significativa entre a hipovitaminose D e dor crônica musculoesquelética, em três estudos uma melhora da dor após suplementação com vitamina D, e, em outros dois, não haver melhora da dor com esta suplementação. CONCLUSÃO: Os estudos relacionando a vitamina D e a dor crônica em idosos ainda são escassos e bastante heterogêneos. A avaliação do déficit de vitamina D deveria estar mais presente nas consultas geriátricas, pois este tem sido correlacionado com certas síndromes dolorosas e sua adequação poderia trazer beneficio terapêutico em alguns casos.
Palavra-chave Chronic pain
Elderly
Musculoskeletal pain
Neuralgia
Vitamin D
Dor crônica
Dor musculoesquelética
Idoso
Neuralgia
Vitamina D
Idioma Português
Data de publicação 2013-09-01
Publicado em Revista Dor. Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor, v. 14, n. 3, p. 223-225, 2013.
ISSN 1806-0013 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor
Extensão 223-225
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1806-00132013000300015
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1806-00132013000300015 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7950

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1806-00132013000300015.pdf
Tamanho: 287.0KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta