Changes in adiposity levels in schoolchildren according to nutritional status: analysis over a 30-year period

Changes in adiposity levels in schoolchildren according to nutritional status: analysis over a 30-year period

Título alternativo Modificações da adiposidade em escolares de acordo com o estado nutricional: análise de 30 anos
Autor Ferrari, Gerson Luis de Moraes Autor UNIFESP Google Scholar
Bracco, Mario Maia Autor UNIFESP Google Scholar
Matsudo, Victor Keihan Rodrigues Google Scholar
Fisberg, Mauro Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Hospital Israelita Albert Einstein
Resumo The aim of this study was to analyze changes in adiposity levels over a 30-year period in schoolchildren according to nutritional status. This study is part of Projeto Misto Longitudinal de Crescimento, Desenvolvimento e Aptidão Física de Ilhabela. 1.144 schoolchildren of both sexes, aged between 10 and 11 years, met the following inclusion criteria: (a) have at least one complete evaluation in one of the analyzed periods; (b) be in the prepubertal stage of sexual maturation; and (c) be apparently healthy. Analyzed periods were 1978/1980 (Baseline), 1988/1990 (10 years), 1998/2000 (20 years), 2008/2010 (30 years). Analyzed variables were: body mass (kg), height (cm) and adiposity levels (mm). Children were classified into three categories: eutrophic, overweight and obese, according to nutritional status, using World Health Organization (WHO) body mass index (BMI) curves for age and sex. For a comparison between periods, Two-Factor Analysis of Variance and Bonferroni's test were used. In both sexes, the most significant increase in adiposity levels occurred among the eutrophic group, followed by the overweight group and obese group. Results showed an increase in adiposity levels over a 30-year period, even with nutritional status control. It shows that individuals with a similar BMI may vary in proportion and distribution of subcutaneous adipose tissue.

O objetivo do estudo foi analisar as modificações da adiposidade de escolares, durante 30 anos, de acordo com o estado nutricional. O estudo faz parte do Projeto Misto Longitudinal de Crescimento, Desenvolvimento e Aptidão Física de Ilhabela. Uma amostra de 1.144 escolares de ambos os sexos, de 10 e 11 anos, atenderam aos seguintes critérios de inclusão: (a) pelo menos uma avaliação completa em um dos períodos analisados; (b) estar no estágio pré-púbere de maturação sexual; (c) ser aparentemente saudável. Os períodos analisados foram 1978/1980 (linha de base), 1988/1990 (10 anos), 1998/2000 (20 anos), 2008/2010 (30 anos). As variáveis analisadas foram: massa corporal, estatura e adiposidade, pela análise individual de cada dobra cutânea. Os indivíduos foram classificados em eutróficos, excesso de peso e obesos, mediante as curvas propostas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) de índice de massa corporal para idade e sexo. Para comparar os períodos, foi utilizada a Análise de Variância com Dois Fatores seguida pelo método Bonferroni. Em ambos os sexos, o maior aumento significante ocorreu no grupo de escolares eutróficos, seguido pelos grupos excesso de peso e obeso. Houve modificações da adiposidade, mesmo com o controle do estado nutricional, durante o período de 30 anos analisado, mostrando que os indivíduos que têm semelhantes índices de massa corporal podem variar em proporção e distribuição de tecido adiposo subcutâneo.
Palavra-chave Adipose tissue
Schoolchildren
Skinfolds thickness
Obesity
Obesidade
Pré-escolar
Pregas cutâneas
Tecido adiposo
Idioma Inglês
Financiador Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Data de publicação 2013-08-01
Publicado em Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano. Universidade Federal de Santa Catarina, v. 15, n. 4, p. 405-416, 2013.
ISSN 1980-0037 (Sherpa/Romeo)
Publicador Universidade Federal de Santa Catarina
Extensão 405-416
Fonte http://dx.doi.org/10.5007/1980-0037.2013v15n4p405
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1980-00372013000400002 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7880

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1980-00372013000400002.pdf
Tamanho: 243.7KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta