Capacidade de exercício e seu valor prognóstico no pós-operatório de cirurgia cardíaca

Capacidade de exercício e seu valor prognóstico no pós-operatório de cirurgia cardíaca

Título alternativo Physical exercise capacity and its prognostic value in postoperative cardiac surgery
Autor Bueno, Flávia Regina Autor UNIFESP Google Scholar
Corrêa, Fernanda Rocha Autor UNIFESP Google Scholar
Alves, Mariana Agnes Da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Bardin, Marcela Grigol Autor UNIFESP Google Scholar
Modesto, Janaína Aparecida Autor UNIFESP Google Scholar
Dourado, Victor Zuniga Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo INTRODUCTION: The prognostic value of exercise capacity in patients undergoing coronary artery bypass grafting (CABG) needs clarification. OBJECTIVES: To assess exercise capacity and its prognostic value in patients with coronary artery disease undergoing elective CABG. MATERIALS AND METHODS: We evaluated 21 patients and 29 controls. Two incremental shuttle walk test (ISWT) and two tests of 6-min walk test (6MWT) were performed randomly on alternate days. The handgrip strength (FPM) was also evaluated. RESULTS: The FPM in percentages (78.4 ± 16 vs. 97.2 ± 15%), the 6MWT in meters (412 ± 79 vs. 601 ± 7 m) and percentage values (72 ± 13 vs. 110 ± 11%) and the ISWT in meters (257 ± 90 vs. 517 ± 138 m) and percentage values (53 ± 16 vs. 108 ± 16%) were significantly (p < 0.05) lower in patients. Eleven patients had postoperative complications (group C) and 10 had a good outcome (group SC). The group C showed significantly (p < 0.05), older age (57 ± 6 vs. 71 ± 7 years old), FPM lower (33 ± 6 vs. 9 ± 41 kgf) and ISWT lower (208 ± 81 vs. 311 ± 66 m). There were no significant differences for the 6MWT. Logistic regression analysis comparing the ISWT and 6MWT selected ISWT as a determinant of prognosis of patients (p = 0.04). CONCLUSION: Patients waiting for elective CABG have significantly reduced exercise capacity and ISWT had significant prognostic value discriminating patients with postoperative complications.

INTRODUÇÃO: O valor prognóstico da capacidade de exercício em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica (CRM) necessita de esclarecimentos. OBJETIVOS: Avaliar a capacidade de exercício e o seu valor prognóstico em pacientes com doença arterial coronariana, submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica eletiva. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram avaliados 21 pacientes e 29 controles. Dois incremental shuttle walk test (ISWT) e dois testes de caminhada de 6 min (TC6) foram realizados randomicamente em dias alternados. A força de preensão manual (FPM) foi também avaliada. RESULTADOS: A FPM em valores percentuais (78,4 ± 16 vs. 97,2 ± 15%), o TC6 em metros (412 ± 79 vs. 601 ± 7 m) e em valores percentuais (72 ± 13 vs. 110 ± 11%) e o ISWT em metros (257 ± 90 vs. 517 ± 138 m) e em valores percentuais (53 ± 16 vs. 108 ± 16%) foram significativamente (p < 0,05) inferiores nos pacientes. Onze pacientes apresentaram complicações pós-operatórias (grupo C) e dez evoluíram bem (grupo SC). O grupo C apresentou idade mais avançada (57 ± 6 vs. 71 ± 7 anos; p < 0,05), FPM inferior (33 ± 6 vs. 41 ± 9 kgf) e ISWT inferior (208 ± 81 vs. 311 ± 66 m). Não houve diferenças significativas para o TC6. A regressão logística selecionou o ISWT como determinante do prognóstico dos pacientes (p = 0,04). CONCLUSÃO: Os pacientes à espera de CRM eletiva apresentam significativa redução da capacidade de exercício e o ISWT apresentou valor prognóstico significativo discriminando os pacientes com complicações pós-operatórias.
Palavra-chave Arterial coronary disease
Exercise capacity
ISWT
6MW
Doença arterial coronariana
Capacidade de exercício
ISWT
TC6
Idioma Português
Financiador Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Data de publicação 2012-12-01
Publicado em Fisioterapia em Movimento. Pontifícia Universidade Católica do Paraná, v. 25, n. 4, p. 839-847, 2012.
ISSN 0103-5150 (Sherpa/Romeo)
Publicador Pontifícia Universidade Católica do Paraná
Extensão 839-847
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0103-51502012000400017
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0103-51502012000400017 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7402

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0103-51502012000400017.pdf
Tamanho: 648.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta