Qualidade de vida em pacientes com úlcera venosa em terapia compressiva por bota de Unna

Qualidade de vida em pacientes com úlcera venosa em terapia compressiva por bota de Unna

Título alternativo Quality of life in patients with venous ulcers treated with Unna's boot compressive therapy
Autor Salomé, Geraldo Magela Autor UNIFESP Google Scholar
Ferreira, Lydia Masako Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo BACKGROUND: Venous ulcers are a major public health problem worldwide and are responsible for considerable economic impact because of their high incidence. In addition to restricting daily living and leisure activities, they may result in changes in quality of life and self-esteem, and even lead to depression. The aim of this study is to evaluate the quality of life in patients with venous ulcers who are being treated with Unna's boot compression therapy. METHODS: Fifty patients with venous ulcers treated at the Conjunto Hospitalar de Sorocaba were enrolled. Data were collected using the Short Form-36 (SF-36) health survey upon inclusion in the study and after 4, 8, and 12 months of compression therapy. RESULTS: Initial mean SF-36 scores were low (15.10), indicating decreased quality of life. After 12 months of Unna's boot compression therapy, the mean SF-36 score was 95.38, indicating improved quality of life (P = 0.0001). CONCLUSIONS: Patients with venous ulcers at the beginning of data collection had lower quality of life but improved after 8 months of treatment with Unna's boot compression therapy.

INTRODUÇÃO: As úlceras vasculares vêm se constituindo um grande problema de saúde pública em todo o mundo, sendo responsáveis por considerável impacto econômico pela elevada incidência dessas lesões crônicas. Além de restringir as atividades da vida diária e o lazer, pode ter como consequência alteração na qualidade de vida e na autoestima, levando o paciente, até mesmo, à depressão. O objetivo deste estudo é avaliar a qualidade de vida em pacientes com úlcera venosa que estão sendo tratados com terapia compressiva por bota de Unna. MÉTODO: Foram selecionados 50 pacientes com úlcera venosa em tratamento no Ambulatório de Feridas do Conjunto Hospitalar de Sorocaba (Sorocaba, SP, Brasil). A coleta de dados foi realizada no momento da inclusão no estudo, sendo repetida aos 4 meses, 8 meses e 12 meses após a primeira coleta de dados, utilizando o questionário Short Form-36 (SF-36). RESULTADOS: Durante a inclusão do paciente no estudo, os escores médios do SF-36 foram baixos (15,10), caracterizando queda da qualidade de vida. Após 12 meses de terapia compressiva por bota de Unna, o escore médio foi de 95,38, caracterizando melhora da qualidade de vida dos pacientes analisados (P = 0,0001). CONCLUSÕES: Os pacientes com úlcera venosa, no início da coleta de dados, apresentaram qualidade de vida baixa, e após 8 meses de tratamento com bota de Unna foi observada melhora da qualidade de vida.
Palavra-chave Leg ulcer
Varicose ulcer
Quality of life
Pain
Self concept
Nursing care
Úlcera da perna
Úlcera varicosa
Qualidade de vida
Dor
Auto-imagem
Cuidados de enfermagem
Idioma Português
Data de publicação 2012-09-01
Publicado em Revista Brasileira de Cirurgia Plástica. Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, v. 27, n. 3, p. 466-471, 2012.
ISSN 1983-5175 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica
Extensão 466-471
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1983-51752012000300024
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1983-51752012000300024 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7297

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1983-51752012000300024.pdf
Tamanho: 393.5KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta