Lentes fácicas de câmara anterior

Lentes fácicas de câmara anterior

Título alternativo Anterior chamber phakic lenses
Autor Nosé, Walton Autor UNIFESP Google Scholar
Forseto, Adriana dos Santos Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo The phakic intraocular lenses (pIOLs) are a good option for the correction of high refractive errors. According to their anatomical position there are two types of pIOLs: anterior or posterior chamber. The anterior chamber pIOL may be iris-fixated or angle-supported. The iris-fixated pIOLs are available not only for myopia correction, but also for hyperopia and astigmatism. During the last decades many modifications on the pIOLs designs were proposed in order to reduce late complications, such as progressive endothelial cell loss. Acute endothelial cell trauma related to the surgical procedure may be minimized with proper intraoperative care. Advances in the preoperative screening methods have improved the safety of the procedure. Estimation of the pIOL power is based on the van der Heijde calculations and is dependent on the anterior chamber depth, the spherical equivalent and the mean keratometric values. Long-term results show the efficacy, predictability and safety of the procedure. According to the type of the pIOL, complications other than endothelial cell loss include iritis, pigment dispersion, iris atrophy, pupil ovalization, pIOL rotation, decentration or dislocation, intraocular pressure elevation and pupillary block glaucoma. Foldable models actually available show promising results with lower complication rate.

Os implantes em olhos fácicos apresentam-se como uma opção para a correção de altas ametropias. De acordo com sua localização podem ser classificados como de câmara anterior ou posterior, sendo que os primeiros subdividem-se em fixação iriana ou de suporte angular. Além da correção da miopia, as lentes de fixação iriana apresentam modelos para hipermétropes e astigmatas. Várias modificações no desenho das lentes foram propostas nas últimas décadas com a finalidade de reduzir complicações tardias, como a perda endotelial progressiva. Cuidados no intraoperatório devem ser tomados de forma a diminuir a perda endotelial aguda relacionada ao trauma. Avanços nos métodos de triagem pré-operatória também melhoraram a segurança do procedimento. A estimativa do poder dióptrico é baseada nos cálculos de Van der Heijde, sendo dependente da profundidade de câmara anterior, do equivalente esférico da refração e da média ceratométrica. Resultados a longo prazo demonstram a eficácia, previsibilidade e segurança do procedimento. Dependendo do modelo, além da possibilidade de perda endotelial, outras possíveis complicações incluem: irite, dispersão pigmentar, atrofia de íris, ovalização pupilar, rotação, descentração ou deslocamento da lente, hipertensão ocular e bloqueio pupilar. Modelos dobráveis atualmente disponíveis vêm apresentado resultados bastante promissores com redução da taxa de complicações.
Palavra-chave Phakic intraocular lenses
anterior chamber
refractive errors
refractive surgical procedures
intraoperative complications
postoperativa complications
Lentes intraoculares fácicas
câmara anterior
erros de refração
procedimentos cirúrgicos refrativos
complicações intraoperatórias
complicações pós-operatórias
Idioma Português
Data de publicação 2012-08-01
Publicado em Revista Brasileira de Oftalmologia. Sociedade Brasileira de Oftalmologia, v. 71, n. 4, p. 260-271, 2012.
ISSN 0034-7280 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Oftalmologia
Extensão 260-271
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0034-72802012000400012
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0034-72802012000400012 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7235

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0034-72802012000400012.pdf
Tamanho: 511.9KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta