Giardia lamblia e alergia respiratória: estudo em uma amostra de crianças de área urbana com frequência elevada da protozoose

Giardia lamblia e alergia respiratória: estudo em uma amostra de crianças de área urbana com frequência elevada da protozoose

Título alternativo Giardia lamblia and respiratory allergies: a study of children from an urban area with a high incidence of protozoan infections
Autor Souza, Valdênia M. O. Google Scholar
Sales, Iana R. F. Google Scholar
Peixoto, Décio Medeiros Autor UNIFESP Google Scholar
Costa, Vláudia M. Assis Google Scholar
Rizzo, José A. Google Scholar
Silva, Almerinda R. Google Scholar
Camilo, Roberta Faria Autor UNIFESP Google Scholar
Pierotti, Felipe Faria Google Scholar
Solé, Dirceu Autor UNIFESP Google Scholar
Sarinho, Emanuel S. C. Google Scholar
Instituição Universidade Federal de Pernambuco Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami
UFPE Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami
UFPE Hospital das Cínicas Imunologia
UFPE Hospital das Clínicas Imunologia
UFPE Hospital das Clínicas
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
UFPE
UFPE Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde
Resumo OBJECTIVES: There is a high incidence of intestinal parasite infection in urban areas in the Northeast of Brazil. Giardia lamblia infections have been associated with increased prevalence of cutaneous allergies and gastrointestinal disorders. However, little is known about the relationship between giardiasis and allergic diseases of the airways. The present study aimed to investigate the possible association between respiratory allergic diseases and infections by G. lamblia in children from urban areas. METHODS: This study recruited 110 patients of both sexes aged 5-15 years. Patients were administered a questionnaire evaluating clinical symptoms and were given skin tests, parasite tests and serum tests. RESULTS: A high incidence of G. lamblia was observed (45%, 50/110). Infections by this protozoan were not associated with increased risk of respiratory allergy (p = 0.075), high total IgE levels (p = 0.701), positive specific IgE tests (p = 0.250), or positive skin tests for a range of environmental allergens (p = 0.239). CONCLUSION: This study demonstrated that symptoms of asthma, skin allergy and serum markers were not associated with G. lamblia infections in this sample of children from urban areas.

OBJETIVO: Uma elevada incidência de enteroparasitoses é encontrada em regiões urbanas do nordeste brasileiro. As infecções por Giardia lamblia têm sido relacionadas com aumento da prevalência de alergias cutâneas e gastrointestinais. Contudo, ainda existe pouca informação sobre a associação entre a giardíase e doenças alérgicas das vias aéreas. Diante disso, o presente estudo se propôs a verificar a relação entre a infecção por G. lamblia em crianças de área urbana e reatividade alérgica respiratória. MÉTODOS: O estudo incluiu 110 pacientes, de ambos os sexos e idades, entre 5 e 15 anos. Os pacientes foram submetidos a questionários de avaliação dos sintomas clínicos, testes cutâneos de leitura imediata e exames coproparasitológicos e sorológicos. RESULTADOS: Foi verificada uma frequência elevada de crianças infectadas por G. lamblia (45%, 50/110). A infecção pelo protozoário não foi associada com maior risco de alergias respiratórias (p = 0,075), elevação de IgE total (p = 0,701), IgE específica (p = 0,250) ou teste cutâneo positivo para diferentes alérgenos ambientais (p = 0,239). CONCLUSÃO: O estudo demonstrou que a presença dos sintomas de asma, atopia cutânea e marcadores sorológicos não foram associados com a presença de infecção pela G. lamblia nessa amostra de crianças.
Palavra-chave Giardia lamblia
rhinitis
asthma
skin prick test
Giardia lamblia
rinite
asma
teste cutâneo
Idioma Português
Financiador Ministério da Saúde (Governo Federal do Brasil)
Ministério da Ciência e e Tecnologia (Governo Federal do Brasil)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Número do financiamento CNPq: 402666/2005-4
Data de publicação 2012-06-01
Publicado em Jornal de Pediatria. Sociedade Brasileira de Pediatria, v. 88, n. 3, p. 233-238, 2012.
ISSN 0021-7557 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Sociedade Brasileira de Pediatria
Extensão 233-238
Fonte http://dx.doi.org/10.2223/JPED.2184
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000306229300009
SciELO S0021-75572012000300009 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7183

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0021-75572012000300009.pdf
Tamanho: 276.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta