Prática profissional de enfermeiras que cuidam de pacientes com câncer em hospitais gerais

Prática profissional de enfermeiras que cuidam de pacientes com câncer em hospitais gerais

Título alternativo Professional practice of nurses who care for cancer patients in general hospitals
Práctica profesional de enfermeras que cuidan de pacientes con cáncer en hospitales generales
Autor Silva, Josiane Travençolo da Autor UNIFESP Google Scholar
Matheus, Maria Clara Cassuli Autor UNIFESP Google Scholar
Fustinoni, Suzete Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Gutiérrez, Maria Gaby Rivero de Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo The present article discusses a qualitative study which aimed to understand the typical of nurses' professional practice caring for patient with cancer in general hospitals. In order to find out the reasons that motivate nurse's action, and to put in evidence what is original, significant, specific and typical about this phenomenon, we have taken into consideration the premises of the philosopher Alfred Schütz, which provide us with subsidies to unveil them. The data collected through semi-structured interviews reported that nurses admit not having the required theoretical knowledge and experience or enough practice to take care of a cancer patient. Thus, they don't feel capable of developing actions which may positively influence care on patients and their family members.

El presente artículo trata de un estudio cualitativo que buscó comprender lo típico de la práctica profesional de enfermeras que cuidan de pacientes con cáncer en hospitales generales. Para descubrir los motivos que impulsan la acción de esos profesionales y evidenciar lo que hay de original, significativo, específico y típico en ese fenómeno, consideramos que las presuposiciones del filósofo Alfred Schütz nos darían subsidios para desvelarlos. Los datos obtenidos por medio de entrevista semi estructurada mostraron que las enfermeras reconocen que no poseen el conocimiento teórico necesario y la experiencia o práctica suficientes para cuidar de pacientes con cáncer. Así, no se sienten capaces de implementar acciones que influyan de modo positivo el cuidado a esos pacientes y a sus familiares.

O presente artigo trata de um estudo qualitativo que buscou compreender o típico da prática profissional de enfermeiras que cuidam de pacientes com câncer em hospitais gerais. Para descobrir os motivos que impulsionam a ação desses profissionais e colocar em evidência o que há de original, significativo, específico e típico nesse fenômeno, julgamos que os pressupostos do filósofo Alfred Schütz dariam subsídios para desvelá-los. Os dados obtidos por meio da entrevista semiestruturada mostraram que as enfermeiras reconhecem não possuir o conhecimento teórico necessário e a experiência ou prática suficiente, para cuidar de pacientes com câncer. Assim, não se sentem capazes de desenvolver ações que influenciem positivamente o cuidado a esses pacientes e seus familiares.
Palavra-chave Oncologic Nursing
Nursing Care
Qualitative Research
Enfermagem Oncológica
Assistência de Enfermagem
Pesquisa Qualitativa
Idioma Português
Data de publicação 2012-06-01
Publicado em Revista Brasileira de Enfermagem. Associação Brasileira de Enfermagem, v. 65, n. 3, p. 460-465, 2012.
ISSN 0034-7167 (Sherpa/Romeo)
Publicador Associação Brasileira de Enfermagem
Extensão 460-465
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672012000300010
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0034-71672012000300010 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/7178

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0034-71672012000300010.pdf
Tamanho: 4.087MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta